Rede aleluia

Notícias | 13 de março de 2019 - 09:00


Uma lição valiosa que podemos aprender com a oferta da viúva

Ela deixou um exemplo de fé para todos os que desejam se apresentar para Deus. Saiba mais

No capítulo desta terça-feira, 11 de março, da novela Jesus – que vai ao ar de segunda a sexta-feira, às 20h45, pela Record TV – mostrou um ato de fé promovido por uma viúva pobre. Assista no vídeo abaixo:

Uma mulher sofrida

Naquele tempo, quando o marido falecia, a viúva não podia herdar os bens dele. É cruel imaginar que os doutores da lei tomaram a casa onde ela vivia, por causa disso.

Isso nos faz pensar também que aquela mulher não tinha filhos. Pois, eles poderiam receber a herança. Ou, talvez, ela não tinha contato com eles por algum motivo.

É provável, consequentemente, que as duas moedinhas tenham sido reservas que ela guardou logo que o falecimento do esposo ocorreu.

Talvez ela não tivesse um cunhado que pudesse ou quisesse desposá-la, como a lei judaica permitia (Deuteronômio 25.5).

A verdade é que ela estava completamente desamparada e sozinha.

Leia também: Parábola dos Talentos: eis o que você precisa saber

A verdadeira oferta

Entretanto, assim como Maria de Betânia derramou sem reservas o perfume de nardo no Senhor Jesus, aquela mulher entregou tudo o que tinha – como Cristo observou. Foi um ato de fé. Ela demonstrou que estava na dependência completa de Deus.

“E, olhando Ele, viu os ricos lançarem as suas ofertas na arca do tesouro; e viu também uma pobre viúva lançar ali duas pequenas moedas; e disse: ‘Em verdade vos digo que lançou mais do que todos, esta pobre viúva; porque todos aqueles deitaram para as ofertas de Deus do que lhes sobeja; mas esta, da sua pobreza, deitou todo o sustento que tinha.'” Lucas 21.1-4

Em suas anotações bíblicas, o Bispo Edir Macedo observa: “Sua oferta demonstrou a qualidade da sua fé, que na realidade foi um sacrifício. Afinal, apesar do irrisório valor monetário, ela se colocou na total dependência de Deus, pois tudo o que possuía entregou ao Senhor (2Co 8.12). Com o exemplo dessa viúva, o Messias ressaltou que não somos avaliados pela quantidade de obras, e sim pela qualidade delas. Isto é, a proporção do que oferecemos a Deus é medida pelo que reservamos para nós em comparação ao que entregamos a Ele.”

Igualmente, nos dias de hoje, Deus observa o que há no coração dos que se apresentam diante dEle.

Leia também: Por que Jesus deixou Lázaro morrer?

Iscariotes: o exemplo oposto

É interessante notar que a atitude dessa viúva contrastou com a de Judas Iscariotes.

Porque, durante 3 anos, ele conviveu com o próprio Deus encarnado. Ouviu os ensinamentos de fé vindos diretamente do Altíssimo. E mesmo assim endureceu seu coração de tal modo que as palavras não criaram raízes.

Em contraste com aquela mulher que sacrificou para o Santíssimo, não do que sobrou, mas do melhor que podia, Judas decidiu negar a fé em Cristo e ainda quis tirar alguma vantagem, O entregando para ser assassinado por 30 moedas de prata (Mateus 26.15).

Foi um fim miserável, o que Judas teve. Pois, mesmo tendo diversas chances de se arrepender, ele insistiu no erro. Como a Bíblia observa: melhor seria se ele não tivesse nascido (Mateus 26.24).

Novela Jesus

novela Jesus narra em detalhes o período em que Cristo esteve entre a humanidade em forma de homem. A missão era a de Se sacrificar em favor dos que creem nEle.

Acompanhe diariamente as informações do Universal.org sobre a novela e fique por dentro de cada capítulo.


  • Daniel Cruz / Foto: iStock 


reportar erro