Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Renato Cardoso | 11 de abril de 2012 - 10:23


Regras de uso de e-mail

Há algum tempo venho pensando em escrever esta lista. Talvez você pergunte o que uma lista destas está fazendo em um blog sobre inteligência espiritual. Bem, pode não ser espiritual, mas é inteligente. Com tanto mal uso de e-mail e outros meios de comunicação digital que tenho visto, não posso resistir publicar esta lista. Com certeza ela pode se alongar ainda mais—fique à vontade de sugerir mais regras que não estão aqui. Acima de tudo, vamos praticá-las.
– Considere se enviar e-mail é a melhor forma de comunicar sua mensagem, em vez de telefone ou em pessoa, por exemplo. A urgência e conteúdo da mensagem geralmente determinam o melhor meio de comunicá-la.
– Considere se e-mail é a melhor forma do recipiente receber sua mensagem, ou seja, se ele prefere outro meio.
– Se alguém não lhe deu pessoalmente o endereço de seu e-mail, não use-o sem o consentimento da pessoa. Se o fizer, é spam.
– Se você tem uma mensagem, foto, historinha etc. que você jura que todo mundo na sua agenda de e-mail vai adorar receber, pense de novo. A maioria de nós não está nem aí para isso e tem e-mails mais importantes para atender. Não envie, a não ser que tenha a absoluta certeza de que a pessoa quer a informação.
– Similarmente, não mande cartas-corrente—aquelas que dizem coisas do tipo “mande para 10 pessoas e algo bom acontecerá…” ou “envie para seus amigos porque a Microsoft vai pagar $0,10 por cada e-mail…” Cresça, por favor.
– Não enviar anexos pesados. Dependendo do serviço de e-mail de seu recipiente, ele poderá não receber anexos maiores que 5Mb. Use um serviço de envio de arquivos para isso.
– Se você está com raiva, melhor não clicar “enviar” ainda. Salve a mensagem como rascunho, depois volte mais tarde e releia.
– Se for enviar um e-mail para mais que uma pessoa, e todos os recipientes têm os e-mails um do outro ou estão trabalhando no mesmo assunto tratado no e-mail, então inclua os recipientes copiados no campo “cc”. Se algum recipiente não é conhecido dos outros, ou não precisa que os outros saibam que o e-mail lhe está sendo copiado, deve ser copiado no campo “bcc”.
– Se for reencaminhar ou copiar um e-mail de alguém para outra pessoa, o que acontecerá se quem enviou o primeiro e-mail descobrir?
– POR FAVOR NÃO ESCREVA TUDO EM MAIÚSCULAS—A NÃO SER QUE VOCÊ QUEIRA GRITAR OU QUE A TECLA “CAPS” DO SEU TECLADO TENHA DADO UM GOLPE, TOMADO O CONTROLE DE TODAS AS OUTRAS TECLAS E AGORA SÓ ELA MANDA. Fora isso, escreva normalmente.
– Seja breve.
– Use parágrafos. Não escreva várias linhas sem pausa. Uma ideia principal por parágrafo.
– Não responda um e-mail apenas para dizer “obrigado”. Se você não tem nada mais a dizer, não vale a pena aumentar o número de e-mails na caixa de entrada do recipiente. Agradecimento é subentendido.
– Releia o que escreveu antes de enviar para corrigir qualquer erro de ortografia. Seu computador provavelmente tem um corretor ortográfico. Use-o. Sua escrita fala muito sobre você.
– Se você tem um negócio e se deu conta de que mandar e-mails sobre seus produtos e serviços não custa nada, antes de mandar algum e-mail para alguém, certifique-se de que a pessoa o requisitou ou permitiu. Não é porque você tem meu e-mail que eu quero saber que você está vendendo pneu de bicicleta por metade do preço. Não mande spam.
– Não mande spam. Só para enfatizar.
– Não usar seu e-mail da empresa para uso pessoal, nem o pessoal para assuntos da empresa.
– Use o campo “Assunto” para definir em poucas palavras sobre o que é o e-mail.
– Mantenha um assunto por e-mail – provavelmente receberá resposta mais rápido.
– Mais alguma regra? Deixe seu comentário abaixo. Se for boa e não repetir o que já está aqui, entrará como a 20ª. (E meu “obrigado” estará subentendido.)


reportar erro