Rede aleluia
O seu conteúdo interno e como ele determina seu sucesso ou fracasso
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCaraguatatubaCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Renato Cardoso | 10 de Abril de 2014 - 17:14


O seu conteúdo interno e como ele determina seu sucesso ou fracasso

O seu conteúdo interno e como ele determina seu sucesso ou fracasso

Duas pessoas passam pela mesma experiência traumática: a perda de um familiar; uma tragédia; um diagnóstico de doença incurável; uma demissão depois de longos anos de serviço. A primeira pessoa é radicalmente transformada e muda sua história para uma de sucesso. A outra entra em depressão e inicia um questionamento sem fim do porquê de tudo aquilo e assim deixa de viver.

Qual a diferença entre essas pessoas?
É o conteúdo interno delas. O que temos dentro de nós é o que determina nossas vidas. Vale repetir: o nosso conteúdo interno é o que determina que tipo de vida teremos. Isso vale para o tipo de reação a uma experiência traumática e para tudo o mais que fazemos.
Então, o que define esse conteúdo interno?
Sim, é um conjunto de várias coisas. Mas todas essas coisas são construídas dentro de nós pela combinação de uma só partícula: a palavra.
O que é uma palavra? Uma palavra é um significado, uma expressão de uma ideia ou parte de uma ideia.
A escolha dessas palavras, a qualidade delas, e como as formamos em nós são o que formam o nosso conteúdo interno — quem somos. E quem somos determina como reagiremos diante de boas e más situações.
Se você está prostrado, caído, deprimido diante das situações de sua vida, isso é reflexo de um pobre conteúdo interno. Você precisa reorganizar esse conteúdo, jogar fora as palavras e significados negativos que formaram essa fraqueza aí dentro de você.
Substitua essas palavras por aquelas proferidas por Deus a seu respeito. Faça a mudança.
Tire os pensamentos de raiva contra as pessoas e coloque os pensamentos de perdão e confiança na justiça de Deus.
Tire as palavras que lhe fazem sentir inferior e coloque as palavras que definem o seu valor.
E assim por diante.
Deus tem as palavras certas para formar o melhor conteúdo interno em você. Mas você precisa querer e buscar essas palavras. E também rejeitar as negativas, que não vêm Dele.
 
 
Veja também:

Cadastre-se nesse blog e seja avisado de novos posts…
 


reportar erro