Rede aleluia
Descoberto relato mais antigo sobre a Arca de Noé
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
GaranhunsRecife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCaraguatatubaCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 19 de Janeiro de 2022 - 17:44


Descoberto relato mais antigo sobre a Arca de Noé

A Universidade de Cambridge achou registros escritos há milhares de anos, antes da Bíblia

Descoberto relato mais antigo sobre a Arca de Noé

“Segurar uma tábua que foi escrita há milhares de anos e ser capaz de ler o que ela diz é uma sensação incrível”. Essas foram as palavras ditas por Christina Tsouparopoulou, do Departamento de Arqueologia da Universidade de Cambridge. Ela descobriu o registro mais antigo encontrado, até agora, sobre as instruções dadas por Deus a Noé.

Assim, recentemente, foi encontrada uma tábua muito antiga com a história da Arca de Noé. Escrita centenas de anos antes da Bíblia Sagrada, na linguagem cuneiforme. Essa é a forma de escrita mais antiga conhecida e foi usada pela primeira vez há mais de 5 mil anos. Os estudiosos inclusive acreditam que ela seja anterior aos hieróglifos egípcios.

Dessa forma, os registros descobertos pela Universidade de Cambridge sobre Arca de Noé, antecedem até mesmo os escritos bíblicos. Ou seja, não foi apenas uma história parecida com a de Noé, com semelhanças entre navio, água e animais. O que prova cientificamente a veracidade do texto bíblico.

“[A história] estava na mesma ordem e havia muitos pontos próximos que mostravam de forma convincente que a mesma história havia sido contada na Mesopotâmia um milênio antes da data mais antiga em que o texto hebraico provavelmente teria surgido”, relatou Christina.

História contada por gerações

Em outras palavras, a história de Noé, descrita em detalhes milhares anos depois, por Moisés, no livro de Gênesis, foi contada de forma oral por gerações. Mostrando como Deus foi piedoso com a humanidade, dando-lhe uma nova chance de recomeçar.

Além disso, foi depois da Arca de Noé que Ele prometeu que jamais destruiria a Terra através da água. E ainda deixou o arco no céu, visto até hoje, como prova física dessa promessa. Veja o diz a Bíblia:

“E disse Deus: Este é o sinal da aliança que ponho entre mim e vós, e entre toda a alma vivente, que está convosco, por gerações eternas. O meu arco tenho posto nas nuvens; este será por sinal da aliança entre mim e a terra. E acontecerá que, quando eu trouxer nuvens sobre a terra, aparecerá o arco nas nuvens.” Gênesis 9.12-14

A história de Noé foi retratada durante a novela Gênesis, na Record TV e pode ser vista também na série A Bíblia, exibida atualmente pela emissora. Acompanhe a produção, de segunda a sexta-feira, na Record TV e veja em detalhes o que é descrito no Livro Sagrado.

 


Descoberto relato mais antigo sobre a Arca de Noé
  • Isabel Tavares / Foto: iStock 


reportar erro