Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 20 de maio de 2018 - 03:05


A importância de ter o Espírito Santo

Descubra como é preciso agir para conquistar uma vida espiritual renovada

É impossível conduzir a vida neste mundo sem que tenhamos a presença do Espírito Santo dentro de nós. É Ele o responsável por nos dar força, discernimento, sabedoria e poder para encarar as dificuldades que aparecem no dia a dia, assim como relatam as escrituras sagradas no livro de Atos 1.8:

Mas recebereis poder, ao descer sobre vós o Espírito Santo, e sereis Minhas testemunhas tanto em Jerusalém, como em toda a Judeia e Samaria, e até aos confins da terra.
Atos 1.8

Infelizmente, muitos cristãos acabam desprezando o Espírito Santo por não entenderem a necessidade de nascer de Deus. Isso gera uma série de consequências, como explicou o Bispo Edir Macedo no sábado, 5 de maio, em uma reunião realizada no Rio de Janeiro e transmitida para todo o Brasil por videoconferência.

“O diabo viu a fraqueza do ser humano, então, ele vai armar para cima dessa criatura, para que ela venha a cair. Mas quando temos o Espírito Santo, o nosso foco jamais é desviado, porque o próprio Espírito nos conduz a essa atitude. É o Espírito Santo que cria em nós a revolta contra o pecado e contra o diabo. Deus que nos induz a buscar o correto”, ressaltou o Bispo.

A necessidade

O Espírito Santo é quem nos livra das enrascadas do mal e nos proporciona a paz interior, aquela que não se abala em meio às adversidades. O próprio Senhor Jesus afirma isso em sua palavra, em João 4.14:

Mas aquele que beber da água que eu lhe der nunca terá sede, porque a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água que salte para a vida eterna. João 4.14

A água à qual Ele se refere é o Espírito Santo, que transmite paz, alegria e bons frutos. Quem tem o Espírito não precisa de terceiros para ser feliz, como explicou o Bispo Macedo. “O Espírito Santo nos proporciona uma felicidade que não depende de termos bens materiais, amizades, relacionamentos. Mesmo que não tenhamos nada disso, já somos felizes, Ele já nos basta.”

É como o ar que respiramos. “Da mesma forma que respirar é fundamental para a nossa vida, o Espírito Santo é o folego de Deus para que nós permaneçamos na fé com o Senhor Jesus”, conclui o Bispo.

A conquista

Portanto, o ser humano só pode ser completo quando estiver cheio dessa força. Para isso, é preciso entregar-se a Deus, não apenas aceitá-Lo como Senhor da sua vida. É necessário colocar-se à disposição para fazer a Sua vontade.

O Batismo

Para alcançar o batismo com o Espírito Santo, é preciso permanecer atento aos três passos indispensáveis: a consciência de que não receberá o Espírito Santo por mérito; o querer, que vai além de desejar algo; e o pensamento, que consiste em ter em mente as coisas do Alto, ou seja, viver em Espírito.

Quando esses comportamentos forem colocados em prática, basta esperar, pois a qualquer momento o batismo pode acontecer; em casa, no trabalho, na rua ou na Igreja, não haverá mais obstáculo para que o Senhor Jesus batize você com o Espírito Santo.

Você, leitor, agora mesmo, de onde estiver, faça uma oração e decida que servirá, a partir de hoje, a esse Deus e comprometa-se a obedecê-Lo. Isso transformará a sua vida.

A seguir, confira mais detalhes sobre os três passos essenciais para o recebimento do Espírito Santo.

Primeiro passo: Consciência

É preciso ter consciência de que ninguém é batizado com o Espírito Santo porque merece. O candidato deve se colocar à disposição de Deus e buscar esse batismo com todas as forças e de todo o coração, por meio da fé no Senhor Jesus Cristo.

Segundo passo: Querer

Esse querer não é a simples vontade de ter o Espírito Santo, só porque outros O têm. Ele deve ser visto como algo tão necessário quanto a Salvação; é um querer semelhante ao perdão dos pecados; é um querer ardente, acima de qualquer outro sonho ou desejo do coração. Esse querer precisa ser seguido pelo pensamento ocupado e preenchido pela fé e pela obediência.

Terceiro passo: Pensamento

O pensamento contínuo nEle deve acontecer tanto em casa quanto no trabalho, na rua, na Igreja, ou em qualquer lugar. O importante é manter a mente focada em Deus. Nessa fase, é necessário evitar más companhias ou pessoas contrárias à fé, distrações vulgares e tudo o mais que interrompa o relacionamento com o Espírito. É difícil, mas não é impossível. A fé exige sacrifícios. Se na conquista dos bens materiais não se mede sacrifícios, o mesmo deve valer para a conquista espiritual.


  • Por Maiara Máximo/ Foto: Fotolia 


reportar erro