Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Renato Cardoso | 5 de outubro de 2013 - 13:48


Desafio IntelliMen #41

Homens. Inteligentes.
© 2013

 

Desafio #41

Não fazer antes de concluir o Desafio #40.
Se você quer fazer parte do Projeto IntelliMen, comece do
Desafio #1.

 

Desafio: Oferecer ajuda a um homem que precise.
Explicação: Considere este desafio uma extensão do anterior, onde você buscou ajuda para alguma dificuldade pessoal. Neste aqui, você inverterá a posição: oferecerá ajuda a um amigo, parente ou colega em necessidade.
Por causa do orgulho masculino que explicamos anteriormente, muitos homens vestem uma máscara de valente quando na verdade estão morrendo aos poucos na ponta da espada dos problemas. Sofrem calados, não buscam ajuda. Às vezes você vê claramente que o cara está sofrendo, mas ele não pede ajuda. Outras vezes você nem percebe. O cara é tão bom artista que quando você vai ver ele já cometeu o suicídio. É trágico assim.
Mas veja o que o Rei Salomão disse à respeito:

Como o ferro com o ferro se afia, assim, o homem, ao seu amigo.
Provérbios 27.17

Homens naquela época eram bem familiarizados com o processo de fazer uma espada. Ao ouvir este provérbio, sabiam exatamente do que se tratava. Fazer uma espada envolvia o processo de usar instrumentos de ferro para afiar o ferro. Bater, aquecer, grosar, limar, friccionar e polir — milhares de vezes, em um processo lento e cuidadoso, até que um simples pedaço de ferro se tornasse numa poderosa espada, afiada e brilhante, pronta para ser usada pelo guerreiro.
É assim também que homens são formados. Homens mais maduros, provados e aprovados, que já se tornaram instrumentos nas mãos de Deus, são usados para moldar outros e fazê-los melhores. Às vezes esse processo requer repreensão, confronto, até uma certa agressividade característica de uma conversa de homem para homem — mas necessário para a formação daquele pedaço de ferro bruto em uma poderosa espada.
O IntelliMan que sou hoje é graças aos vários homens que Deus usou, e continua usando, para me formar. E você, agora, pode ser um instrumento nas mãos d’Ele também para ajudar alguém a ser melhor.
Seu desafio esta semana será identificar um homem em sua família, círculo de amigos ou colegas que esteja precisando de ajuda. Então, com humildade mas também com firmeza, você ajudará esse familiar ou amigo da melhor forma que puder, visando o bem dele. Talvez ele precise de um conselho, uma repreensão, um alerta, ou apenas um ouvido aberto; talvez precise de encorajamento, que você lhe estenda a mão e lhe ajude a sair do buraco (um vício, um problema de casamento, desemprego etc.). Porém, entenda que nem sempre dar dinheiro a alguém é uma ajuda maior do que ensinar essa pessoa a ajudar a si mesma. Pense bem em como ajudar da maneira mais eficaz.
Cuidado: não confunda essa ajuda com uma oportunidade de descriteriosamente ir dando bronca na pessoa, se achando superior. Se uma bronca é merecida, que o faça. Mas sua ajuda deve ser feita em espírito humilde — e claro, a outra pessoa também precisa ser humilde para recebê-la. Mas se ele receberá sua ajuda ou não, não é seu problema. Seu problema é vencer sua vergonha e medo de oferecê-la.
Caderno de Notas: Sugestão para lhe ajudar a identificar alguém que precisa de ajuda: faça uma lista com os nomes de amigos, colegas e familiares que vêm à sua mente. Quanto mais, melhor. Daí, para cada nome na lista, lembre se essa pessoa tem passado por lutas pessoais ou mostrado sinais de que esteja precisando de ajuda. Marque um sinal ao lado dos nomes que identificar. Daí escolha um para realizar seu desafio.
Parceiro Oficial: Pode ser que seu parceiro seja a pessoa que precisa de ajuda. Se for o caso, vá em frente. Esteja aberto também à possibilidade de que ele vê que você precisa de ajuda em alguma área. Seja humilde para ouvir e aprender.
Prazo: Este desafio pode ser iniciado imediatamente e concluído antes do Desafio #42 que será lançado daqui a uma semana.
Postar: Depois — e somente depois — de você ter concluído este desafio, poste seus comentários — no Facebook do IntelliMen (não no seu pessoal) ou no Twitter, com este cabeçalho:
Desafio IntelliMen #41 concluído: Fui um instrumento para ajudar alguém. (Acrescente qualquer comentário adicional.)
Links:
www.facebook.com/IntelliMen
www.twitter.com/intellimen27 (quando postar no Twitter, use @IntelliMen27 na sua mensagem)
 
Checklist de verificação
Identifiquei alguém que precisa de ajuda
Ofereci a ajuda à pessoa
☐  Anotei no meu Caderno de Notas
Eu e meu Parceiro conversamos sobre este desafio
Postei meus comentários no Facebook/Twitter
 
Frases:
Não importa quais suas realizações, alguém lhe ajudou. — Althea Gibson
 
 
Cadastre-se nesse blog e seja avisado de novos posts…


reportar erro