Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 20 de abril de 2017 - 03:15


Leia a Bíblia em 1 ano – 110º dia

Levítico 24, Salmos 31 e Eclesiastes 7

“O meu povo está sendo destruído, porque lhe falta o conhecimento…” Oséias 4.6

Conhecer a Bíblia é muito importante para todos nós, especialmente nos momentos mais difíceis de nossas vidas, pois Deus fala conosco por meio de Sua Palavra. O Espírito Santo nos conduz, nos orienta, e quando passamos por tribulações, Ele nos faz lembrar do que está escrito na Bíblia, de uma Palavra de Deus que nos conforte. Mas só nos lembraremos se tivermos conhecimento Dela.

Por isso, elaboramos um plano para que você leia a Bíblia em 1 ano. Se você ainda não começou, clique aqui e comece agora, não deixe para amanhã. Você verá o quanto isso transformará a sua vida.

Se você já está nesse propósito, acompanhe a leitura de hoje:

Levítico 24

1. E falou o Senhor a Moisés, dizendo:

2. Ordena aos filhos de Israel que te tragam azeite de oliveira, puro, batido, para a luminária, para manter as lâmpadas acesas continuamente.

3. Arão as porá em ordem perante o Senhor continuamente, desde a tarde até à manhã, fora do véu do testemunho, na tenda da congregação; estatuto perpétuo é pelas vossas gerações.

4. Sobre o candelabro de ouro puro porá em ordem as lâmpadas perante o Senhor continuamente.

5. Também tomarás da flor de farinha, e dela cozerás doze pães; cada pão será de duas dízimas de um efa.

6. E os porás em duas fileiras, seis em cada fileira, sobre a mesa pura, perante o Senhor.

7. E sobre cada fileira porás incenso puro, para que seja, para o pão, por oferta memorial; oferta queimada é ao Senhor.

8. Em cada dia de sábado, isto se porá em ordem perante o Senhor continuamente, pelos filhos de Israel, por aliança perpétua.

9. E será de Arão e de seus filhos, os quais o comerão no lugar santo, porque uma coisa santíssima é para eles, das ofertas queimadas ao Senhor, por estatuto perpétuo.

10. E apareceu, no meio dos filhos de Israel o filho de uma mulher israelita, o qual era filho de um homem egípcio; e o filho da israelita e um homem israelita discutiram no arraial.

11. Então o filho da mulher israelita blasfemou o nome do Senhor, e o amaldiçoou, por isso o trouxeram a Moisés; e o nome de sua mãe era Selomite, filha de Dibri, da tribo de Dã.

12. E eles o puseram na prisão, até que a vontade do Senhor lhes pudesse ser declarada.

13. E falou o Senhor a Moisés, dizendo:

14. Tira o que tem blasfemado para fora do arraial; e todos os que o ouviram porão as suas mãos sobre a sua cabeça; então toda a congregação o apedrejará.

15. E aos filhos de Israel falarás, dizendo: Qualquer que amaldiçoar o seu Deus, levará sobre si o seu pecado.

16. E aquele que blasfemar o nome do Senhor, certamente morrerá; toda a congregação certamente o apedrejará; assim o estrangeiro como o natural, blasfemando o nome do Senhor, será morto.

17. E quem matar a alguém certamente morrerá.

18. Mas quem matar um animal, o restituirá, vida por vida.

19. Quando também alguém desfigurar o seu próximo, como ele fez, assim lhe será feito:

20. Quebradura por quebradura, olho por olho, dente por dente; como ele tiver desfigurado a algum homem, assim se lhe fará.

21. Quem, pois, matar um animal, restituílo-á, mas quem matar um homem será morto.

22. Uma mesma lei tereis; assim será para o estrangeiro como para o natural; pois eu sou o Senhor vosso Deus.

23. E disse Moisés, aos filhos de Israel que levassem o que tinha blasfemado para fora do arraial, e o apedrejassem; e fizeram os filhos de Israel como o Senhor ordenara a Moisés.

Salmos 31

1. Em ti, Senhor, confio; nunca me deixes confundido. Livra-me pela tua justiça.

2. Inclina para mim os teus ouvidos, livrame depressa; sê a minha firme rocha, uma casa fortíssima que me salve.

3. Porque tu és a minha rocha e a minha fortaleza; assim, por amor do teu nome, guia-me e encaminha-me.

4. Tira-me da rede que para mim esconderam, pois tu és a minha força.

5. Nas tuas mãos encomendo o meu espírito; tu me redimiste, Senhor Deus da verdade.

6. Odeio aqueles que se entregam a vaidades enganosas; eu, porém, confio no Senhor.

7. Eu me alegrarei e regozijarei na tua benignidade, pois consideraste a minha aflição; conheceste a minha alma nas angústias.

8. E não me entregaste nas mãos do inimigo; puseste os meus pés num lugar espaçoso.

9. Tem misericórdia de mim, ó Senhor, porque estou angustiado. Consumidos

estão de tristeza os meus olhos, a minha alma e o meu ventre.

10. Porque a minha vida está gasta de tristeza, e os meus anos de suspiros; a minha força descai por causa da minha iniqüidade, e os meus ossos se consomem.

11. Fui opróbrio entre todos os meus inimigos, até entre os meus vizinhos, e horror para os meus conhecidos; os que me viam na rua fugiam de mim.

12. Estou esquecido no coração deles, como um morto; sou como um vaso quebrado.

13. Pois ouvi a murmuração de muitos, t e m o r havia ao redor; enquanto juntamente consultavam contra mim, intentaram tirar-me a vida.

14. Mas eu confiei em ti, Senhor; e disse: Tu és o meu Deus.

15. Os meus tempos estão nas tuas mãos; livra-me das mãos dos meus inimigos e dos que me perseguem.

16. Faze resplandecer o teu rosto sobre o teu servo; salva-me por tuas misericórdias.

17. Não me deixes confundido, Senhor, porque te tenho invocado. Deixa confundidos os ímpios, e emudeçam na sepultura.

18. Emudeçam os lábios mentirosos que falam coisas más com soberba e desprezo contra o justo.

19. Oh! quão grande é a tua bondade, que guardaste para os que te temem, a qual operaste para aqueles que em ti confiam na presença dos filhos dos homens!

20. Tu os esconderás, no secreto da tua presença, dos desaforos dos homens; encobri-los-ás em um pavilhão, da contenda das línguas.

21. B endi to seja o Senhor, pois fez maravilhosa a sua misericórdia para comigo em cidade segura.

22. Pois eu dizia na minha pressa: Estou cortado de diante dos teus olhos; não obstante, tu ouviste a voz das minhas súplicas, quando eu a ti clamei.

23. Amai ao Senhor, vós todos que sois seus santos; porque o Senhor guarda os fiéis e retribui com abundância ao que usa de soberba.

24. Esforçai-vos, e ele fortalecerá o vosso coração, vós todos que esperais no Senhor.

Eclesiastes 7

1. Melhor é a boa fama do que o melhor ungüento, e o dia da morte do que o dia do nascimento de alguém.

2. Melhor é ir à casa onde há luto do que ir à casa onde há banquete, porque naquela está o fim de todos os homens, e os vivos o aplicam ao seu coração.

3. Melhor é a mágoa do que o riso, porque com a tristeza do rosto se faz melhor o coração.

4. O coração dos sábios está na casa do luto, mas o coração dos tolos na casa da alegria.

5. Melhor é ouvir a repreensão do sábio, do que ouvir alguém a canção do tolo.

6. Porque qual o crepitar dos espinhos debaixo de uma panela, tal é o riso do tolo; também isto é vaidade.

7. Verdadeiramente que a opressão faria endoidecer até ao sábio, e o suborno corrompe o coração.

8. Melhor é o fim das coisas do que o princípio delas; melhor é o paciente de espírito do que o altivo de espírito.

9. Não te apresses no teu espírito a irar-te, porque a ira repousa no íntimo dos tolos.

10. Nunca digas: Por que foram os dias passados melhores do que estes? Porque não provém da sabedoria esta pergunta.

11. Tão boa é a sabedoria como a herança, e dela tiram proveito os que vêem o sol.

12. Porque a sabedoria serve de defesa, como de defesa serve o dinheiro; mas a excelência do conhecimento é que a sabedoria dá vida ao seu possuidor.

13. Atenta para a obra de Deus; porque quem poderá endireitar o que ele fez torto?

14. No dia da prosperidade goza do bem, mas no dia da adversidade considera; porque também Deus fez a este em oposição àquele, para que o homem nada descubra do que há de vir depois dele.

15. T u d o isto vi nos dias da minha vaidade: há justo que perece na sua justiça, e há ímpio que prolonga os seus dias na sua maldade.

16. Não sejas demasiadamente justo, nem demasiadamente sábio; por que te destruirias a ti mesmo?

17. Não sejas demasiadamente ímpio, nem sejas louco; por que morrerias fora de teu tempo?

18. B o m é que retenhas isto, e também daquilo não retires a tua mão; porque quem teme a Deus escapa de tudo isso.

19. A sabedoria fortalece ao sábio, mais do que dez poderosos que haja na cidade.

20. Na verdade que não homem justo sobre a terra, que faça o bem, e nunca peque.

21. Tampouco apliques o teu coração a todas as palavras que se disserem, para que não venhas a ouvir o teu servo amaldiçoar-te.

22. Porque o teu coração também confessou que muitas vezes tu amaldiçoaste a outros.

23. Tudo isto provei-o pela sabedoria; eu disse: Sabedoria adquirirei; mas ela ainda estava longe de mim.

24. O que já sucedeu é remoto e profundíssimo; quem o achará?

25. Eu apliquei o meu coração para saber, e inquirir, e buscar a sabedoria e a razão das coisas, e para conhecer que a impiedade é insensatez e que a estultícia é loucura.

26. E eu achei uma coisa mais amarga do que a morte, a mulher cujo coração são redes e laços, e cujas mãos são ataduras; quem for bom diante de Deus escapará dela, mas o pecador virá a ser preso por ela.

27. Vedes aqui, isto achei, diz o pregador, conferindo uma coisa com a outra para achar a razão delas;

28. A qual ainda busca a minha alma, porém ainda não a achei; um homem entre mil achei eu, mas uma mulher entre todas estas não achei.

29. Eis aqui, o que tão-somente achei: que Deus fez ao homem reto, porém eles buscaram muitas astúcias.

O que você aprendeu com a leitura de hoje? Deixe o seu comentário.

E não desanime. Continue firme para ler a Bíblia em 1 ano, aqui no Universal.org.

Acompanhe a leitura do 109º dia clicando aqui.

Acompanhe a leitura do 111º dia clicando aqui.

Se você ainda não começou, clique aqui e comece agora, não deixe para amanhã.


  • Da Redação 


reportar erro