Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 18 de janeiro de 2019 - 10:08


Kits de higiene são entregues a detentos na Bahia

Na Bahia, presidiários recebem auxílio espiritual e doações

Das 27 unidades penais da Bahia em funcionamento, mais de 10 apresentam problemas de superlotação. A situação foi exposta no último Mapa da População Carcerária divulgado pela Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização (Seap) no início do mês de janeiro deste ano. Ademais, o balanço aponta uma deficiência de 3 mil vagas no estado, que tem mais de 15,2 mil internos entre homens e mulheres.

Com o propósito de amenizar essa situação, os voluntários do grupo Universal nos Presídios (UNP), da Bahia, reuniram-se e entregaram kits de higiene e camisetas. Donativos que são itens essenciais para os presos.

As prisões contempladas foram o Presídio Salvador, também conhecido como Cadeia Velha, e o Complexo Mata Escura, que atende à população carcerária masculina e feminina.

Kits de higiene

A saber, o kit dos homens continha:

-lençol, sabonete, papel higiênico, sandálias, escova de dente e creme dental.

Já para as mulheres do Conjunto Penal Feminino do Complexo Mata Escura os itens eram:

-chinelos, sabonetes, papel higiênico, shampoo, condicionador e absorventes.

Além disso, todos receberam também uma camiseta. Elas foram doadas pelos membros da Universal, durante o mês de dezembro, e consagradas pelo Bispo Edir Macedo.

Apesar do gesto simples, a entrega desse material teve um significado especial. Pois muitos não recebem visita dos familiares.

“Estava precisando muito. Certamente, se não fosse Deus e a Universal, estaria em privação. Só vocês para se lembrarem de nós”, relatou uma das detentas.

Quer saber mais sobre as ações que o grupo UNP realiza no País e em todo o mundo? Clique aqui. Se acaso deseja ser um voluntário, encontre aqui o endereço de uma Universal mais próxima de sua casa e se informe com o Pastor local.


  • Sabrina Marques / Fotos: Cedidas 


reportar erro