Rede aleluia

Notícias | 19 de agosto de 2019 - 09:16


FJU realiza 2º campeonato estadual de capoeira

Torneio contou com mais de 60 competidores de diversos grupos paulistas

Sessenta e quatro competidores estiveram presentes no 2º Campeonato Estadual FJU Capoeira, organizado pela Força Jovem Universal. O torneio aconteceu no sábado (10), na capital paulista.

Além dos 32 competidores representando o grupo de capoeira da própria FJU, também estiveram presentes representantes de diversos outros grupos de capoeira do estado.

A competição apresentou seis diferentes categorias:

– Infantil;

– Feminino;

– Iniciante;

– Intermediário;

– Formado;

– Master.

capoeira O vencedor da categoria Intermediário, David Custódio, do grupo Símbolo da Paz, agradece pela oportunidade de competir no torneio da FJU e ressalta que a capoeira é mais do que um esporte, é uma ferramenta capaz de transformar vidas:

“Para mim, a capoeira é uma filosofia de vida”, afirma. “A capoeira me tirou do mundo em que todo mundo vive, daquele padrão. Me levou para estar com pessoas que querem um melhor condicionamento físico, começar a levar uma vida melhor como pessoa e evoluir. Ela me tirou de locais ruins em que eu poderia estar e agora estou fazendo um esporte, cuidando do meu corpo, da minha saúde e fazendo o que eu gosto”.

Aproximando os jovens de Deus

O Professor Rogério Pereira, coordenador estadual do grupo de capoeira de São Paulo, ressalta que o esporte tem se mostrado um importante instrumento para a divulgação da Palavra de Deus:

“A capoeira é uma porta de entrada para aqueles que não se interessam pelas outras atividades que temos oferecido. Por isso, a variedade de atividades para ocupar os jovens é muito importante, já que os gostos são muito variados. É importante até mesmo para quem já está firme na igreja. Essa é uma atividade saudável. Ela elimina preconceito e o pensamento de que aceitando o Senhor Jesus a gente já não pode mais fazer nada de divertido”.

O aluno Sérgio Henrique, integrante da FJU e vencedor do torneio na categoria Iniciante, concorda com as palavras de seu professor e ressalta que ele mesmo vê na capoeira uma ferramenta poderosa para levar a Palavra de Deus adiante:

“A capoeira é uma isca para levar as pessoas a mudarem de vida. Então, elas entram, conhecem, fazem a aula que tem a disciplina e não só praticam uma atividade física. Ali elas ouvem a Palavra de Deus, obtêm uma ajuda, uma direção. E ainda são apresentadas às reuniões da FJU.”

O próprio Sérgio conheceu o trabalho da Universal por meio das artes marciais. Praticando o esporte e frequentando as reuniões, ele se entregou a Deus e teve sua vida transformada.

“A FJU e a capoeira mudaram muito minha vida”, conta. “Eu era uma pessoa muito sem regras, bebia, estava sempre com os amigos na balada, buscando algo para preencher o vazio que eu tinha dentro de mim. A capoeira e a FJU estão me ajudando muito. Tanto que eu conheci Jesus, me batizei nas águas e estou buscando o Espírito Santo.”

Sérgio explica que está “firme” na FJU há dois anos e garante: “hoje eu posso dizer que sou completamente transformado e preenchido. Eu não preciso mais das coisas do mundo para me preencher”.

Inúmeros benefícios

De acordo com o Professor Rogério, a capoeira mostra para o jovem que “depois de aceitar a Jesus é que começamos a viver de verdade. Praticar esportes, aproveitar o bom da vida, ser feliz sem precisar da falsa sensação de felicidade proporcionada pelas drogas, bebidas e outros vícios”.

Consequentemente, a qualidade de vida dos esportistas melhora consideravelmente.

capoeira“Deus criou o nosso corpo com a capacidade realizarmos atividades dinâmicas. Isso é saudável para nós. Fomos criados para isso. Mas a sociedade criou um mundo violento e cheio de comodidades que nos forçam a ficar aprisionados em locais fechados, sem nos movimentar, gerando doenças tanto físicas como psicológicas”, explica o professor. “E os benefícios gerados pelos projetos das artes marciais na FJU são muito variados”.

Entre os principais, ele cita:

“O esporte ajuda a tirar os jovens das ruas, trazer para o meio do povo de Deus, influenciá-los para o lado positivo da fé no Deus vivo. Além disso, incentiva a cuidar da saúde. Impede que o jovem permaneça de mente vazia. Faz o jovem sonhar e ter objetivos. Ensina a respeitar os colegas de treino e os oponentes no momento de um combate. Impulsiona a superar a si mesmo, almejar o melhor para si. Ajuda a amadurecer, apoiar e incentivar as pessoas ao seu redor. E ainda o leva a procurar o bem-estar nas coisas produtivas e saudáveis”.

Atualmente, o grupo de capoeira da FJU conta com mais de 80 alunos que treinam em oito diferentes igrejas: Templo de Salomão, Bom Recanto, Casa Verde, João Dias, Cachoeirinha, Mauá, Piracicaba e Itaquera.

Para saber qual é o mais próximo de sua casa, entre em contato pelo WhatsApp (11) 98758-4180.

Veja na galeria de imagens como foi 2º Campeonato Estadual FJU Capoeira:


  • Andre Batista / Fotos: Cedidas FJU (Marília Andrade Cardoso, Ana Carolina e Amanda Ferreira) 


reportar erro