Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Bispo Macedo | 6 de abril de 2020 - 00:01


A Glória da Tribulação

O Espírito Santo tem orientado Seus filhos a...

Tanto para os nascidos quanto para os que estão sendo gerados pelo Espírito Santo as tribulações são tremendamente importantes no desenvolvimento da fé cristã. Se não fosse assim, Deus as eliminaria do meio dos Seus filhos.

O que é tribulação?

Doenças, enfermidades, problemas financeiros ou familiares nada têm a ver com as tribulações.

As tribulações envolvem problemas relacionados exclusivamente à fé cristã. Perseguições, injustiças, humilhações, fofocas, traições e calúnias de irmãos são algumas situações que atingem diretamente a fé.

O Espírito Santo tem orientado Seus filhos a não se gloriarem apenas na esperança da salvação. Mas também se gloriarem no preço a pagar por essa glória!

Ou seja, se há alegria e gozo na certeza da salvação da alma, também tem de haver alegria e gozo quando se vivencia as tribulações da fé! Romanos 5.1-2.

Muitas vezes o cristão semeia o que não presta e colhe seus frutos podres. Depois fica lamentando sua “cruz pesada”.

É o caso de casamentos errados, prostituições,  mentiras, calúnias e uma série de frutos da carne. Tudo isso gera conflitos, tristezas e dores. Mas não relacionados à fé!

As verdadeiras tribulações sempre trazem benefícios para os da fé. E Deus as permite para o nosso bem.

O Senhor enfatizou duplamente a glória dos atribulados pela causa da fé quando disse:

“Bem-aventurados os que sofrem perseguição por causa da justiça… (Não por causa do pecado ou da injustiça cometida!) …Bem-aventurados sois quando, por Minha causa, vos injuriarem, e vos perseguirem, e, mentindo, disserem todo mal contra vós. Exultai e alegrai-vos, porque é grande o vosso galardão nos céus…”  Mateus 5.10-12

A glória dessa tribulação é o que produz perseverança, experiência e esperança. Virtudes indispensáveis na manutenção da salvação da alma.


  • Bispo Edir Macedo 


reportar erro