Rede aleluia
Você já foi transformado em Israel?
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 5 de Julho de 2021 - 17:58


Você já foi transformado em Israel?

O Bispo Júlio Freitas explica o que é necessário para que isso aconteça

Você já foi transformado em Israel?

Após passar o pai e o irmão para trás, Jacó fugiu para não ser morto por Esaú. Contudo, anos depois, quando ele já havia constituído família, conquistado riquezas e servos, Deus mandou que ele retornasse a Canaã, mesmo sob o risco de ser morto pelo irmão.

Por que Deus fez isso?

O Bispo Júlio Freitas explica que Deus fez isso para um propósito: transformá-lo em um novo homem. Pois, até então, a transformação havia sido apenas externamente. Mas, para que a transformação acontecesse no seu interior ele precisava confrontar os seus medos e ficar a sós para lutar com Deus.

“Jacó estava casado, tinha 11 filhos, tinha servos, tinha muitos animais, muito gado, muito ouro, muita prata, mas ele era o mesmo homem. E somente a transformação de Criatura para filho, é que então o proporcionaria ser um novo homem, e só o Espírito Santo pode fazer isso. Deus mudou o nome de Jacó, isso significa que a mudança tem que acontecer no interior, no caráter e, consequentemente, no exterior de todos que foram batizados com o Espírito Santo.”, destaca o Bispo.

Fé para ser transformado

O Bispo Júlio esclarece ainda que somente um novo Jacó transformado em Israel, príncipe, filho do Rei, seria visto por Esaú com outros olhos. Além disso, o mal e os maus não podem tocar naqueles que foram transformados pelo Espírito de Deus.

Por isso, não é coerente alguém que diz ter o Espírito Santo não ver essa transformação no seu caráter e na sua vida. Mas, infelizmente, temos visto muitas pessoas que se intitulam de Deus perderem o que conquistaram para os filhos das trevas.

De acordo com o Bispo Júlio, isso acontece porque faltou fé para ser transformada, pois somente a transformação estabelece as conquistas. Do contrário, tudo que a pessoa conquistar irá perder, inclusive, o mais importante, a Salvação.

Esvaziar-se e ficar na dependência de Deus

“Só se dá nome ao que é nosso. Os pais dão nomes aos filhos. Até a um animal de estimação você dá nome.  Por isso, Deus só pôde dar nome a Jacó quando ele passou a ser dEle. E para ser de Deus ele teve que se desapegar de pessoas e de coisas, e teve que confrontar o medo de ficar só”, esclarece.

Outro ponto importante é o fato de Deus ter esperado Jacó chegar ao Vau de Jaboque para se revelar a ele e transformá-lo. A razão está no significado do nome daquele lugar, que em hebraico quer dizer “esvaziar-se”.

Ou seja, esvaziar-se exige coragem, luta, força, definição. E somente quando isso acontece é que aprendemos a ficar totalmente dependentes de Deus. Por isso, Deus esperou que ele chegasse nesse lugar e se esvaziasse de si mesmo, desapegasse de pessoas, abrisse mão das coisas que havia conquistado, para que então pudesse ser transformado.

Jacó, porém, ficou só; e lutou com ele um homem, até que a alva subiu. Gênesis 32:24

“Então, eu chego à conclusão que os que fogem dos problemas, são os mesmos que se escondem da fé, de Deus e das pessoas. São os que desistem dos sonhos e não querem sacrificar”, conclui o Bispo.

Assista a mensagem na íntegra:

 


Você já foi transformado em Israel?
  • Jeane Vidal / Foto: Reprodução 


reportar erro