Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 27 de maio de 2020 - 15:14


Mais de dois mil produtos de higiene foram entregues à penitenciária de Portugal

Voluntários da Universal entregaram os itens no Estabelecimento Prisional (EP) de Leiria, na província da Beira Litoral

Mais uma vez o grupo Universal nos Presídios (UNP)/Unisocial de Portugal organizou uma grande mobilização para levar assistência básica de higiene aos reclusos de Portugal.

Desta vez, os voluntários entregaram, recentemente, mais de 2,2 mil produtos de higiene no Estabelecimento Prisional (EP) Jovem de Leiria, capital do distrito de Leiria, na província da Beira Litoral, região central de Portugal. Entre os itens estavam gel de banho, shampoo, desodorante, escova, pasta de dente, sabonete e papel higiênico.

Ajuda necessária

Apesar de o grupo acompanhar há um bom tempo os reclusos do local, os quais já participam das reuniões realizadas pela Universal, o trabalho tem sido intensificado durante essa fase de pandemia do novo coronavírus, suprindo as necessidades das pessoas que estão com sua liberdade interrompida.

Para essa ação, o pedido de ajuda partiu da própria direção do EP, que apelou para que fossem doados, primariamente, produtos de higiene. A oportunidade contou com a presença do Bispo Filipe Santos, responsável pela ação, que acompanhou todo o processo. Segundo ele, a recepção por parte dos funcionários da penitenciária foi muito positiva e todos se mostraram gratos pelos produtos doados e pela boa hora em que chegaram.

Com informações da Universal de Portugal


  • Redação / Fotos: Cedidas pela Universal de Portugal  


reportar erro