Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 26 de março de 2020 - 11:02


Lívia Andrade espalha Fake News sobre a Universal

A apresentadora se retratou após propagar notícia falsa

Na última quinta-feira, 19 de março, a apresentadora do programa Fofocalizando, do SBT, Lívia Andrade, manifestou sua indignação ao saber sobre uma suposta comercialização de álcool em gel no valor de 500 reais, dentro dos templos da Universal.

Durante o programa, a apresentadora ainda exibiu um vídeo em que um homem que se apresenta como pastor falava sobre o assunto. Após repercussão, a Universal pediu que Lívia Andrade se retratasse em Rede Nacional, já que o conteúdo se tratava de Fake News, a fim de difamar a imagem da igreja e de seus fiéis.

Na sexta-feira (20), Lívia pediu desculpas pela falsa notícia que ajudou a espalhar e ainda ressaltou que “algumas pessoas se sentiram ofendidas” pelo que disse.

No programa “Inteligência e Fé”, o Bispo Renato Cardoso falou sobre o assunto:

Procure a verdade

Ao longo dos 42 anos de existência, mentiras têm sido uma tática muito comum utilizada contra a Universal.

Muitos têm se deixado contaminar por calúnias e difamações proferidas contra a igreja. Contudo, antes de dar crédito a qualquer informação, é preciso sempre conhecer o outro lado da história. Acesse o site Mitos e Verdades e conheça outras notícias falsas já desmentidas pela Universal.

Leia também:

COMUNICADO OFICIAL sobre a Universal e o Coronavírus


  • Redação / Foto: Reprodução 


reportar erro