Rede aleluia

Notícias | 17 de novembro de 2019 - 00:05


Internos recebem atenção do Universal Socioeducativo

Grupo doa Bíblias e kits de higiene pessoal a dezenas de jovens em Santa Catarina

É possível que um ambiente tenso como uma unidade de menores apreendidos seja transformado em um local de paz? De acordo com os integrantes do grupo Universal Socioeducativo (USE), sim.

ajuda espiritual, dia das crianças, atitude

Os integrantes do projeto creem que por meio das Sagradas Escrituras e da atenção dada aos menores seja possível recuperá-los e fazer deles cidadãos de bem. Por isso, o USE do Estado de Santa Catarina – como o das demais regiões do País – realiza várias ações em prol da recuperação desses jovens.

Recentemente, no Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) da cidade de São José, por exemplo, mais de 40 adolescentes e 18 agentes receberam Bíblias de presente. A gratidão era visível no rosto e no olhar de todos.

“Damos total importância à Palavra de Deus e acreditamos que, ao transmiti-la nas unidades, ela leva paz e esperança aos menores”, ressalta o Pastor Nereu Amorim, coordenador do trabalho do USE no Estado.

Solidariedade
Outra unidade socioeducativa atendida foi a Agronômica, localizada em Florianópolis. Jovens das alas masculina e feminina receberam kits de higiene pessoal e Bíblias. Os agentes e diretores também foram presenteados com exemplares do Livro Sagrado.

“Nos sentimos imensamente realizados em fazer parte deste trabalho, pois acreditamos que a semente sendo lançada cairá em terra fértil e dará muitos frutos”, acrescenta o Pastor Nereu.

Dia das Crianças
Dias antes, o grupo Universal Socioeducativo (USE) de Santa Catarina adiantou o Dia das Crianças – comemorado em 12 de outubro – e realizou uma ação na comunidade Sol Nascente, em Florianópolis. No dia 5 de outubro, os voluntários do projeto levaram aos moradores solidariedade, diversão e, sobretudo, Fé.

Cerca de 300 pessoas foram beneficiadas com o evento e na ocasião foram doados mais de 900 brinquedos, presentes, doces, lanches, entre outros.

“Muitas vezes, os que deveriam proteger as crianças, como governantes, educadores e os próprios pais, não conseguem”, diz o Pastor Nereu.

Ajuda espiritual
Mães e seus filhos receberam atendimento social e espiritual. O Pastor Nereu realizou uma oração, levando boas novas e esperança àquela comunidade: “Jesus, porém, disse: Deixai as crianças e não as impeçais de virem a Mim, porque de tais é o reino dos céus.”
(Mateus 19. 14).


  • Rafaella Rizzo / Fotos: Cedidas 


reportar erro