Rede aleluia
Dia de Ação de Graças traz uma reflexão sobre gratidão
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCaraguatatubaCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 25 de Novembro de 2021 - 00:19


Dia de Ação de Graças traz uma reflexão sobre gratidão

Nos países onde se celebra a data, as famílias costumam se reunir em confraternizações e realizar orações pelos bons acontecimentos ocorridos durante o ano

Dia de Ação de Graças traz uma reflexão sobre gratidão

O Dia de Ação de Graças (Thanksgiving Day, em inglês) é uma data celebrada em gratidão a Deus — sobretudo nos Estados Unidos, no Canadá e nas ilhas do Caribe. Na maior parte dos lugares onde é comemorada, o feriado acontece na 4ª quinta-feira do mês de novembro. Neste dia, as famílias costumam se reunir em confraternizações, almoços e jantares, e realizar orações pelos bons acontecimentos ocorridos durante o ano.

Para os norte-americanos, o feriado do Dia de Ação de Graças é considerado tão importante quanto o de Natal. Independentemente de crença, a data se popularizou no país. Neste dia, até mesmo grandes desfiles ao ar livre com carros alegóricos, bandas e passistas são realizados nas ruas de muitas cidades, sendo uma das mais famosas a de Nova Iorque, por exemplo, retratada inclusive em diversas séries e filmes.

Outros países que comemoram são Libéria (África), Ilha Norfolk (Austrália) e Holanda (Europa).

No Brasil, o Dia de Ação de Graças não é muito popular. Entretanto há uma data oficial instituída pela Lei n.º 781, em 1949. A comemoração foi sugerida por Joaquim Nabuco, quando este era embaixador do País nos Estados Unidos. Em 1966, a Lei nº 5.110 estabeleceu que a celebração no Brasil se daria também na 4ª quinta-feira de novembro, sendo o Ministério da Justiça o órgão legalmente incumbido de promovê-la.

Reflexão sobre gratidão

Para entender, a tradição deste dia nasceu no século XVII. A partir de 1620, os peregrinos fundadores da vila localizada em Plymouth Colony, Massachusetts, região chamada de Nova Inglaterra, passaram a festejar a boa colheita entre os colonos ingleses e americanos nativos. Tendo em vista que eles já tinham passado por invernos muito rigorosos, esse banquete para a comunidade era composto de mesa farta com alimentos variados.

Embora no Brasil, e também em outros países, muitos não conheçam a origem desta data, o Dia de Ação de Graças suscita uma importante reflexão sobre gratidão.

A gratidão é um reconhecimento de uma pessoa por alguém que lhe prestou um benefício, um auxílio, enfim é um agradecimento. E não apenas pelas conquistas materiais. Mas, também, na vida emocional e espiritual. Por exemplo, quando se é alcançado com a salvação que vem de Deus e expressa-se gratidão a Ele.

Nesta passagem da Bíblia, em Colossenses 3:15, o apóstolo Paulo enfatizou:

“E a paz de Deus, para a qual também fostes chamados em um corpo, domine em vossos corações; e sede agradecidos.”

Gratidão e paz

Por sua vez, a ingratidão é um sentimento que gera conflitos interiores. À exemplo da ansiedade, da infelicidade e da agressividade. Pois, a pessoa não consegue reconhecer (seja muito ou pouco) o que tem recebido de Deus. Ela não é capaz de apreciar as coisas que possui.

Sobre o assunto, em ocasião do programa Inteligência e Fé, o Bispo Renato Cardoso disse: “Há uma relação entre gratidão e paz. Mesmo que os problemas estejam acontecendo, se a pessoa souber apreciar o lado bom disso, até os problemas trarão para ela algum proveito (…) Se você desenvolver o hábito da gratidão, você vai de forma imediata vencer a ansiedade, a preocupação e a infelicidade”.

Obviamente, ninguém quer passar por problemas. Mas se os obstáculos surgem, precisamos nos tornar pessoas melhores com eles. Assim, para se tornar uma pessoa grata, você pode começar apreciando o que já tem. Valorize, sobretudo, a Deus e tudo o que Ele tem feito em sua vida. E, seja grato.


Dia de Ação de Graças traz uma reflexão sobre gratidão
  • Redação / Foto: Istock 


reportar erro