Rede aleluia
Como fazer as pessoas gostarem de mim?
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 8 de janeiro de 2020 - 10:59


Como fazer as pessoas gostarem de mim?

Saiba o que há de errado por trás dessa pergunta, que foi uma das mais feitas ao Google no ano de 2019

Como fazer as pessoas gostarem de mim?

Criado em 1998 com a missão de organizar a informação mundial tornando-a mais acessível, o Google é um dos websites mais visitados do mundo. Por dia são processados mais de um bilhão de solicitações de pesquisa. Devido a tantos acessos, o Google virou uma espécie de “guru” dos tempos modernos com o “Pergunte para o Google” como seu bordão. Ao ponto de, anualmente, sair o ranking das perguntas mais feitas e, em 2019, uma delas foi a “Como fazer as pessoas gostarem de mim?”.

Mas o que haveria de errado por trás dessa pergunta?

Aceitação x Autorejeição

Todo mundo quer ser amado. É um desejo inerente ao ser humano. Quem nunca sentiu medo em ser rejeito(a) que atire a primeira pedra.

Aliás, a rejeição, principalmente no período da infância e da adolescência, tem um impacto emocional que pode causar traumas profundos na vida de uma pessoa.

Estudos apontam que o sentimento de rejeição ativa o mesmo lugar no cérebro que controla as dores do corpo. Por isso, não é nenhum absurdo dizer que, ao ser rejeitada, a pessoa sente uma dor física. E não só a dor, mas o abalo na autoestima.

Logo, ser amado é não sentir a dor de ser desprezado. Porém, o grande problema está quando o foco é o de ser aceito e amado pelos outros. Pois, geralmente, isso está disfarçando um outro problema: a pessoa se autorejeita e espera que os outros deem a ela o que ela mesma não está dando para si.

A pessoa que se rejeita, sem perceber, não deixa o amor entrar em sua vida, por mais que queira isso.

Pois, é difícil amar alguém que não se ama. Sentirão pena, raiva, por muitas vezes, até irão evitá-la, menos amá-la.

Leia também:

O que é autorejeição?

 

Então, como fazer as pessoas gostarem de mim?

Mandiga? Simpatia?

Não. Simplesmente, fazendo consigo mesmo o que tanto espera que os outros façam: se amar.

A escritora Nanda Bezerra destaca que essa é a primeira decisão a ser tomada. E engana-se quem a limita apenas à valorização da aparência.  Ela explica que “a primeira coisa que você tem que trabalhar para se amar é dentro da sua cabeça. São os pensamentos que rondam a sua mente, as ideias que você alimenta”.

O que você pensa sobre si mesma? Não aceite mais esses pensamentos ruins ao seu próprio respeito. Nanda ressalta ainda que cada pessoa é única. “Igual a você não existe ninguém neste mundo. Invista em si mesma, em coisas que acrescentem em sua vida”, afirmou.

A lógica é simples: só se investe naquilo que é considerado interessante. Então, quanto mais você investe em si mesmo(a), mais tem consciência do seu valor e isso gera segurança. E poucas coisas são mais atraentes em uma pessoa do que a segurança que tem em si.

O contrário é igualmente verdadeiro: a insegurança repele, porque faz a pessoa depender dos outros; do que falam e pensam sobre ela.

“Quando você começa a se amar, as outras pessoas passam a te olhar com outros olhos. Você não fica implorando carinho e atenção, daí o carinho e a atenção virão naturalmente sem precisar implorar”, finalizou a escritora.

Se ame como Ele te ama

Contudo, mesmo sabendo de tudo isso, muitos travam verdadeiras batalhas quando o assunto é amor próprio. E só há uma forma de vencê-la: conhecendo Aquele que o ama e foi capaz do maior sacrifício já feito por causa deste amor, o próprio Deus.

As palestras da Terapia do Amor, acontecem na Universal todas as quintas-feiras, e têm como objetivo levar as pessoas a conhecerem o Autor do Amor, pois é impossível aprender a amar sem antes O conhecer.

Encontre aqui o endereço de uma Universal mais próxima.


Como fazer as pessoas gostarem de mim?
  • Núbia Onara / Foto: Getty Images 


reportar erro