Rede aleluia
Camila Cabello confessa que sentiu vergonha de falar sobre crises de ansiedade
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
GaranhunsRecife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCaraguatatubaCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 9 de Maio de 2022 - 21:40


Camila Cabello confessa que sentiu vergonha de falar sobre crises de ansiedade

Em entrevista, ela contou como se sente e o motivo que a levou a esconder a situação

Camila Cabello confessa que sentiu vergonha de falar sobre crises de ansiedade

A atriz e cantora Camila Cabello, de 25 anos, confessou que sentiu vergonha de falar abertamente sobre sua saúde mental.Durantes crises de ansiedade, ela admitiu achar que seu “cérebro estava quebrado”.

O que aconteceu:

Camila Cabello teve uma conversa com a também cantora,  Selena Gomez, onde se abriu sobre sua saúde mental e assumiu ter sentido vergonha de falar sobre o assunto.

“Eu me senti muito ansiosa, mesmo falando sobre essas coisas porque acho que antes de começar essa jornada eu estava quase com medo de ser descoberta, tipo ‘isso é estranho, meu cérebro está quebrado, isso não é normal'”, contou ela, em entrevista a uma revista.

Sobre as opiniões alheias:

Ao dar detalhes sobre como se sentia diante das crises de ansiedade, ela disse:  “Na hora, tudo parece vertiginoso e esmagador. É como se você estivesse nessa situação pensando: ‘Apenas me ajude a sair’. Na minha opinião, é um loop, como coisas obsessivo-compulsivas”.

Além disso, a cantora reforçou que o preconceito social em relação à saúde mental também contribuiu bastante para alimentar a insegurança na hora de falar sobre o tema, o que, inclusive, a deixou frustrada.

Por que isso importa:

Os acontecimentos que assolaram a humanidade nos últimos, como a pandemia da Covid-19, resultaram no maior número de casos de ansiedade e problemas mentais, como afirmam pesquisas (veja aqui).

Por isso, falar sobre o assunto é sempre de grande relevância e importância. Tendo em vista que algumas pessoas ainda não sabem como resolver essa situação e apenas tentam fugir do problema. 

O que fazer:

Neste domingo (15), em toda Universal, haverá um propósito especial para quem se sente aflito e ansioso(a). 

Para participar, leve escrito em um papel todas as suas ansiedades e entregue no Altar. Ao fazer isso, não irá pedir nada, mas vai entregar o que tem lhe feito ansioso e preocupado. 

Na oportunidade, Bispos e Pastores farão uma oração dedicada a todos os presentes. Esteja presente no Templo de Salomão ou na Universal mais perto de você.


Camila Cabello confessa que sentiu vergonha de falar sobre crises de ansiedade
  • Isabel Tavares / Foto: Reprodução Instagram 


reportar erro