Rede aleluia

Notícias | 18 de outubro de 2019 - 10:09


Ator de “Vingadores” é acusado de ameaçar esposa de morte

Ela afirma que ele é viciado em cocaína e coloca a vida da filha em risco

Cocaína, armas, dinheiro e fama. Ingredientes que costumam fazer parte dos filmes de Hollywood, hoje fazem parte da vida de um dos maiores atores da atualidade: Jeremy Renner.

Adorado por interpretar o Gavião Arqueiro na série de cinema “Vingadores”, Renner viu seu processo de divórcio ser explanado na mídia nos últimos dias. De acordo com o site TMZ (EUA), a ex-esposa do ator, Sonni Pacheco, luta pela guarda total da filha, alegando que Renner usa drogas na presença da criança e já a ameaçou de morte com arma de fogo.

Conforme Pacheco alega no processo, Renner é viciado em álcool e cocaína, além de ser instável emocionalmente. Isso gera diversas agressões verbais psicológicas. Ele também teria a ameaçado de morte, chegando a colocar uma arma dentro da boca da esposa. Ademais, o ator disse a ela que iria cometer suicídio. Por fim, Pacheco relata que Renner deixou cocaína no banheiro, ao alcance da filha de seis anos de idade.

Em sua defesa, Renner diz que Pacheco está “dramatizando nas acusações” e que “o bem-estar de sua filha Ava sempre foi e continua sendo o principal foco de Jeremy, e essa é uma questão para a Justiça decidir”.

Uma entre milhões

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), pelo menos 70% das mulheres do planeta já foram agredidas, sendo que a maioria por membros de sua própria família. A situação é tão grave que 35% dos feminicídios são cometidos pelos parceiros amorosos.

Somente no Brasil, mais de 500 mulheres são violentadas por hora, sendo que em 42% dos casos a violência acontece dentro de casa. Em resumo: violência doméstica é grave e pode atingir a todas.

Jeremy Renner ainda não foi julgado pela Justiça, portanto não se pode afirmar que todas as acusações são verdadeiras. Todavia, o fato de não ter negado as agressões e ameaças de morte sugerem que o ator, de fato, pode ser instável e violento.

E esse é o perfil de milhões de maridos no mundo inteiro. E, com certeza, é o perfil de alguém perto de você. O marido da alagoana Telma da Silva Costa, por exemplo, era um desses homens violentos.

“Foi um tormento na minha vida”, afirma ela. “Ele começou a me bater. Daí ele começou a me espancar, a ponto de tirar sangue de mim.”

Como Renner, o marido de Telma tinha problemas com drogas. O que o tornava ainda mais violento. Quando não agredia fisicamente, agredia psicologicamente a tratando como lixo, deixando claro que tinha amantes e dizendo que o melhor seria ela morrer.

Essa situação levou a moça a tentar o suicídio. A depressão era tão forte que esse era o único caminho que Telma enxergava.

Assista, no vídeo abaixo, o testemunho completo da alagoana:

Como Telma conta, “muitas vezes ele ia me buscar na porta da igreja. Puxava meu cabelo, me batia. Mas eu não desisti”.

Mesmo assim, Deus agiu na vida desse homem e o transformou de agressor em bom marido. Isso pode acontecer com todos os que se entregam ao Senhor.

Se você precisa de ajuda para obter essa transformação em sua vida, participe da Bênção Para os Casais, que acontece aos domingos, às 9h30, na Universal.

O Bispo Renato Cardoso explica que “todos os domingos nos temos um momento para os casais. Momento este que ajuda casais a se reorientarem, a se cuidarem”. E você pode participar mesmo se o seu cônjuge não quiser ir. “É através de você que a benção vai chegar para o seu cônjuge. Então se os dois quiserem vir juntos, excelente. Mas se um dos dois não quer vir alguém tem que dar o primeiro passo. Seja você.”

Clilique aqui, descubra o endereço da Universal mais próxima e busque a Deus hoje mesmo.


  • Andre Batista / Imagem: Reprodução Instagram @renner4real 


reportar erro