Rede aleluia
Ações do Unisocial, UNP e Anjos da Madrugada ajudam pessoas necessitadas nas Filipinas
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
GaranhunsRecife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCaraguatatubaCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
Baln. CamboriúBlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 23 de Setembro de 2022 - 17:47


Ações do Unisocial, UNP e Anjos da Madrugada ajudam pessoas necessitadas nas Filipinas

Número de filipinos abaixo da linha pobreza aumentou, aponta pesquisa

Ações do Unisocial, UNP e Anjos da Madrugada ajudam pessoas necessitadas nas Filipinas

Em agosto, por meio de ações realizadas pelos programas sociais Anjos da Madrugada, Unisocial e Universal nos Presídios (UNP), 1.150 pessoas em situação de rua, de vulnerabilidade social e em regime prisional foram amparadas em Filipinas – país localizado no Sudeste da Ásia.

Devido ao impacto da pandemia, o número de filipinos que vivem abaixo da linha da pobreza aumentou de 16,7% em 2018, para 18,1% em 2021, de acordo com dados divulgados pela Philippine Statistics Authority (PSA), o instituto de estatísticas do governo do país.

 “Quando perguntamos a eles [pessoas em situação de rua]: ‘Há quantos dias você não come?’ Alguns responderam dois dias, outros disseram quatro. Estava chovendo, e eles não tinham um abrigo adequado. É uma situação difícil”, relata Christian Jule Noble, responsável pelos programas Anjos da Madrugada e Unisocial em Filipinas.

Christian explica, ainda, que muita gente – principalmente, vindo de outras regiões do país – “é abandonada pela família devido à situação financeira, e acaba morando nas ruas”.

Com o trabalho desempenhado pelo Anjos da Madrugada, pessoas em situação de rua receberam refeições e apoio emocional – palavras de conforto e esperança transmitidas pelos integrantes do grupo.

O voluntário Enoch Casaman, de 23 anos, esteve presente na ação dos Anjos da Madrugada e conta que percebeu a necessidade e o sofrimento da população atendida. “Conversei com pessoas que sobrevivem de restos que dão a elas, e isso realmente me mostrou o quanto estão sofrendo”.

Em Manila, capital filipina, e também em algumas províncias do país (Baguio, Tuguegarao, Laoag, Iloilo), voluntários do Unisocial prestaram assistência a famílias de comunidades carentes e distribuíram cestas básicas, lanches e roupas aos beneficiados.

Já no trabalho de ressocialização de encarcerados feito pela UNP, duas unidades prisionais de Filipinas foram atendidas. Na ocasião, kits de higiene pessoal e livros foram doados aos detentos.

Anjos da Madrugada, Unisocial e UNP são iniciativas da Igreja Universal do Reino de Deus, a fim de ajudar grupos vulneráveis da sociedade, os quais carecem de acolhimento e assistência.

Filipinas é um país localizado no Sudeste da Ásia, que abrange mais de 7 mil ilhas e possui 109,6 milhões de habitantes.


Ações do Unisocial, UNP e Anjos da Madrugada ajudam pessoas necessitadas nas Filipinas
  • Unicom / Fotos: Cedidas 


reportar erro