Rede aleluia

Notícias | 16 de setembro de 2017 - 03:00


Ação social da Igreja Universal chega a presídio de Pentonville em Londres

Donativos serão entregues aos familiares de detentos após a visita deste domingo (17)

No próximo domingo, dia 17/9, a Universal nos Presídios do Reino Unido – programa social de apoio aos detentos e seus familiares – participará, pela primeira vez, do Family Day (Dia da Família) no Presídio de Pentonville, norte de Londres.

Os voluntários do programa conhecido no país como – Rod Group – Rescue of Dignity – farão a distribuição aos familiares dos detentos de Pentonville, de kits de higiene, cestas básicas, e exemplares do livro Nada a Perder 3, terceiro volume da autobiografia do bispo Edir Macedo.

A prisão, que conta com 1.310 detentos, é conhecida por ter sido tema de canções de artistas que por lá passaram, como Blake Fielder-Civil, ex-marido de Amy Winehouse, Pete Doherty e Boy George.

Há quatro meses, o Rod Group – Rescue of Dignity – está fortalecendo o trabalho no Reino Unido. “Já estamos fazendo reuniões com os internos de mais dois presídios masculinos: o de Wormwood Scrubs, zona oeste de Londres e o de Dovegate, região centro-oeste do país”, explica o pastor Douglas Lima, responsável pelo programa social da Universal no Reino Unido.

De acordo com dados do governo britânico, a Inglaterra e o País de Gales contam com 136 presídios. Em todo o Reino Unido há 86 mil pessoas encarceradas.

Crescimento do programa social

Para o bispo Eduardo Guilherme, responsável pelo trabalho da Universal nos Presídios em mais 52 países de todos os continentes, a expansão do programa social é de extrema importância.

“A verdadeira ressocialização só acontece quando a Palavra de Deus chega. E nós, juntamente com esse apoio espiritual desenvolvemos uma ajuda humanitária onde atuamos na doação de kits, cobertores, e com toda a assistência que o governo não consegue alcançar. Assim conseguimos transformar a vida de cada um deles”, destaca o bispo.

Conheça mais sobre as ações sociais da Universal. Clique aqui.



reportar erro