Rede aleluia
Meditação do livro de Cantares: O fruto do Espírito
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Cristiane Cardoso | 12 de novembro de 2020 - 16:43


Meditação do livro de Cantares: O fruto do Espírito

“E o seu fruto é doce ao meu paladar.” Cantares 2:3

Meditação do livro de Cantares: O fruto do Espírito

“E o seu fruto é doce ao meu paladar.” Cantares 2:3

O fruto do Espírito Santo é doce, mas as obras da carne são amargas. Não nos orgulhamos de nós mesmas quando as praticamos, pois nos afastam de Deus e nos aproximam do mal.

Mas se os frutos do nosso Deus são tão doces, por que não aproveitamos mais deles?

Porque para se saborear dessa Macieira, tem que estar na presença dela, e para estar na presença dela, temos de negar a presença de todas as demais árvores nessa selva chamada mundo. #cantares


Meditação do livro de Cantares: O fruto do Espírito
  • Cristiane Cardoso 


reportar erro