Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Bispo Macedo | 29 de março de 2009 - 20:33


Primeiro Amor


O número sete tem sido interpretado como o número da perfeição. As sete igrejas compõem a Igreja do Senhor Jesus Cristo como um todo. Ou seja, Uma única Igreja – Corpo do Senhor.
Mas a referência a sete igrejas trata dos sete tipos diferentes de cristãos. Qualquer que seja a fé ou denominação cada discípulo está enquadrado nela.
Éfeso – A favor desse tipo de cristão o Senhor Jesus reconhece obras, perseverança, rejeição ao mal, paciência, suporta provas por causa do Seu Nome e não desanima. Além disso odeia as obras dos nicolaítas, uma facção pervertida e idólatra no meio da Igreja em Éfeso.
Mas contra si há o abandono ao primeiro amor.
Aos olhos do Senhor os feitos são anulados pelo abandono ao primeiro amor.
O que isto significa para pesar tanto no risco da perda da salvação imediata?
A gente pode viver duzentos anos, mas  jamais  esquece o primeiro amor da juventude. Muito além disso é em relação ao encontro com Deus.
Somente os nascidos do Espírito podem avaliar o verdadeiro sentido do primeiro amor. Não há como esquecer os primeiros momentos desse relacionamento.
Lágrimas de alegria, pureza, dedicação, louvor, obediência e atenção à vontade de Deus são constantes. Não há um só momento em que os pensamentos se afastem dEle.
Por causa desse Grande Amor o fiel abandona não só o pecado, mas também aqueles que o praticam. Abre mão dos amigos do mundo para manter-se ligado na amizade de Deus.


reportar erro