Rede aleluia
Pentecostes, a Promessa de Deus
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Bispo Macedo | 9 de Junho de 2021 - 00:01


Pentecostes, a Promessa de Deus

O Espírito Santo foi derramado sobre os primeiros cristãos, marcando assim o começo da Igreja

Pentecostes, a Promessa de Deus

De acordo com a Palavra de Deus, no capítulo 2 de Atos dos Apóstolos, o Espírito Santo foi derramado sobre os primeiros cristãos, marcando assim o começo da Igreja:

“Mas recebereis o poder do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-Me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém como em toda a Judeia e Samaria, e até aos confins da terra.” (Atos 1.8)

Os discípulos do Senhor Jesus, cumprindo Sua ordem, estavam em Jerusalém aguardando a promessa, quando, reunidos em um mesmo lugar, veio do céu um som como de um forte vento e encheu toda a casa onde estavam assentados. Apareceram entre eles línguas como de fogo, e pousou uma sobre cada um deles, que ficaram cheios do Espírito Santo e passaram a falar outras línguas, de acordo com o Espírito, de maneira que todos os que estavam de fora, das mais diferentes nacionalidades, os ouvia falar na sua própria língua.

O batismo com o Espírito Santo significa poder, força, coragem, intrepidez e audácia de se viver, tal qual viveu o Senhor Jesus aqui na terra. Temos visto muitos cristãos sinceros fazendo um esforço sobrenatural para manter suas vidas dentro do padrão bíblico, em vão.

Na verdade, se com o batismo com o Espírito Santo já não é fácil vencer as tentações e manter o testemunho fiel, imagine sem ele! Muitos procuram se esquivar dos problemas e das tentações, não por uma questão de obediência à Palavra de Deus, mas sim para fugir do mal, ou por medo de tropeçar e cair.

Ora, se o medo existe, então é porque há necessidade de um revestimento de poder, conforme a promessa do Senhor Jesus, quando disse:

“Mas recebereis o poder do Espírito Santo, que há de vir sobre vós…” (Atos 1.8).


Pentecostes, a Promessa de Deus
  • Bispo Edir Macedo 


reportar erro