Rede aleluia
Entre espinhos…
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Bispo Macedo | 22 de Julho de 2021 - 00:01


Entre espinhos…

Vejo que isso tem acontecido com muitos pastores e esposas...

Entre espinhos…

“E o que foi semeado entre espinhos é o que ouve a palavra, mas os cuidados deste mundo, e a sedução das riquezas sufocam a palavra, e fica infrutífera;” Mateus 13.22

Meditando nesse versículo, vejo que isso tem acontecido com muitos pastores e esposas. Ao longo dos anos de ministério, eles permitiram que os “cuidados deste mundo e a sedução das riquezas” sufocassem a Palavra de Deus que, desde o início, foi semeada em seu interior.

O diabo é o “sedutor de todo o mundo”. Ele caiu do céu e está aqui na terra seduzindo. Se ele tentou seduzir o Senhor Jesus, não vai tentar seduzir o pastor, esposa, bispo ou obreiro?

“… e mostrou-Lhe todos os reinos do mundo, e a glória deles. E disse-lhe: Tudo isto Te darei se, prostrado, me adorares.” Mateus 4.8,9

Especialmente aqueles que não vigiam são seduzidos e caem nas malhas de Mamom. Por isso temos de estar conscientes de que nossa alma corre perigo a toda hora.

“…estamos nós também a toda a hora em perigo?” 1Coríntios 15.30

Só relaxaremos quando a nossa alma descolar do corpo e encontrarmos com o nosso Senhor. Enquanto isso não acontece, precisamos vigiar e lutar dia após dia contra o “sedutor deste mundo”, que tenta entrar através do que sentimos, olhamos, pensamos, falamos e ouvimos.

“Portanto, o que desde o princípio ouvistes permaneça em vós. Se em vós permanecer o que desde o princípio ouvistes, também permanecereis no Filho e no Pai. E esta é a promessa que Ele nos fez: A vida eterna.” 1 João 2.24,25

Deus os abençoe mais e mais!


Entre espinhos…
  • Bispo Sergio Corrêa 


reportar erro