Rede aleluia
Deus do Ódio
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Bispo Macedo | 19 de Fevereiro de 2019 - 00:01


Deus do Ódio

Deus do Ódio

Quem é de Deus escuta as Palavras de Deus… João 8.47

Mas quem prega ou ensina a mesma Palavra, obrigatoriamente, tem de ser o primeiro a praticá-la.

Nesta mensagem o Senhor Jesus separa o joio do trigo, definindo bem quem é dEle e quem não é. Faz assim para alertar os verdadeiros servos.

Quando se nasce de Deus, a maior e mais evidente característica é a mudança de caráter. Por mais genioso, mentiroso ou dissimulado, logo após o novo nascimento, a pessoa é transformada como da água para o vinho.

Sou testemunha viva disso. Lembro bem do meu gênio ruim. Perdão não fazia parte da minha vida. Fiquei 2 anos sem falar com minha irmã. Era extremamente genioso e temperamental. Mas, logo após o nascimento do Espírito, tornei-me como criança. Tudo mudou em mim. Surpreendi a mim e aos meus familiares ao ponto de me tornar estranho em casa. Meus pensamentos e objetivos mudaram, consequentemente, as atitudes também. Todos notaram a enorme diferença no meu comportamento e maneira de falar.

Às vezes, por conta dos problemas causados por uns maus-caracteres, ficamos irados. Mas, logo passa. E, quando a ira insiste em ficar, oro por eles e logo a paz interior volta a reinar. É uma maravilha conviver com a consciência em paz.

Tenho acompanhado a devassa que o espírito do ódio, confusão e engano tem feito na seara do meu Deus. Sei o quanto há risco de morte enquanto o Senhor Jesus não é formado no interior dos noviços na fé. O diabo também sabe. Por isso, seu ódio cresce e se espalha. Sinto a alma agonizante. Mas, fazer o quê? Obrigar os incautos a ficar, não posso. Espero, pela fé, que um dia a “ficha caia”, se arrependam e voltem ao primeiro amor.

Compreendo muito bem as palavras de Paulo, quando disse:

…de novo, sofro as dores de parto, até ser Cristo formado em vós Gálatas 4.19

A ganância de sucesso a qualquer preço instiga a falta de temor e respeito à Obra de Deus. E o pior: promoção da rebeldia. Infelizmente, tal problema sempre esteve presente na história da construção do Reino de Deus nos corações. Sugiro, então, a meditação no texto a seguir, como forma de alerta.

Quem é de Deus ouve as palavras de Deus; por isso, não Me dais ouvidos, porque não sois de Deus. João 8.47

Ou seja, quem não pratica as palavras do Senhor Jesus, não é de Deus.


reportar erro