Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Núbia Siqueira | 24 de março de 2020 - 20:00


Como viver o confinamento?

Creio que uma nova IGREJA está nascendo muito mais forte do que a que tínhamos antes do coronavírus. Entenda

Eu sempre pensei que chegaria o dia que nós deixaríamos de ter tantos privilégios, como temos tido. Eu sempre soube que as pessoas que têm arroubos, como: “a vida é minha, e eu faço dela o que bem-quiser!”, iriam receber alguns avisos.

Então, os tempos em que a nossa fé está sendo provada chegaram de surpresa.

Sei que muitos estão tristes só de pensar que domingo não poderão ir ao culto, porque, em alguns lugares, a programação normal das igrejas teve de ser cancelada. A nossa resposta cristã ao decreto de emergência é a obediência.

MAS ESSES DIAS NÃO SÃO MAUS por completo, porque eu creio que uma nova IGREJA está nascendo muito mais forte do que a que tínhamos antes do coronavírus. Podemos até ousar dizer que essa pandemia está resgatando muito mais perdidos e afastados do que o nosso trabalho. E aí eu lembro-me que a Bíblia diz que a loucura de Deus é mais sábia que todo conhecimento dos poderosos. Porque, Ele toma uma situação má e faz o que é bom, e Ele tira luz das trevas.

O coronavírus também está restaurando valores que muitos servos de Deus tinham esquecido, como o temor e a apreciação por tantas dádivas que recebemos. Quantos não estão agora a reparar como é maravilhoso termos liberdade para buscar ao nosso Deus. O quanto é maravilhoso podermos estar com as pessoas da mesma fé, servir as pessoas nos grupos da igreja.

O Espírito Santo é magnífico! Ele não permitiria que o Seu povo passasse por tudo isso, se não houvesse algo muito valioso a nós.


  • Núbia Siqueira / Foto: Getty Images 


reportar erro