Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 24 de março de 2020 - 16:24


Vítimas de incêndio na Zona Norte de São Paulo recebem cestas básicas e kits de higiene pessoal

Voluntários adotam cautelas sanitárias para evitar contágio pelo coronavírus

A comunidade dos Tubos, situada no bairro do Limão, na capital paulista, foi atingida por um incêndio na manhã da última sexta (20). Algumas moradias foram destruídas, mas, felizmente, ninguém ficou ferido. As famílias que tiveram os seus bens consumidos pelo fogo puderam contar com o apoio e doações do Unisocial – EVG, programa social que presta assistência a comunidades carentes.

Tomando todos os cuidados de segurança sanitária para o enfrentamento da pandemia do coronavírus, 15 voluntários do Unisocial compareceram para prestar assistência à comunidade. Foram doadas 31 cestas básicas, 35 kits de higiene pessoal e 660 garrafas de água mineral.

Em um primeiro momento as famílias receberam a quantidade suficiente de alimentos não perecível para abastecer o alojamento aonde estavam instaladas.

Segundo o responsável pelo trabalho do Unisocial na região, Renê Morais, foram encontradas pessoas em estado de choque em decorrência da destruição de suas casas. “O incêndio é uma experiência traumática para uma família. Neste momento, é importante ajudar materialmente e prestar todo o apoio necessário, porque é uma perda inesperada”, explicou.

Para atender o incidente foram deslocadas até o local 12 viaturas e 40 homens do Corpo de Bombeiros. Ainda são desconhecidas as causas do incêndio


  • Unicom / Foto: Cedida 


reportar erro