Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 26 de abril de 2019 - 11:18


UNP promove cursos de cabeleireiro e sobrancelha em presídio de Minas Gerais

Iniciativa tem ajudado mulheres encarceradas a aprenderem uma profissão. Saiba mais detalhes

Os cursos de cabeleireiro e sobrancelha que estão sendo realizados no Complexo Penitenciário Estevão Pinto (PIEP), no estado de Minas Gerais, são de iniciativa do grupo Universal nos Presídios (UNP), que atua frequentemente no local há pelo menos 2 anos.

Em entrevista ao portal Universal.org, o Pastor Eduardo dos Santos, atual coordenador do trabalho da UNP no estado, disse que essa parceria contou ainda com a reforma de uma sala no Complexo – antes toda quebrada – transformando-a em um salão de cabeleireiro, todo montado e decorado pelo grupo.

É neste salão que os cursos estão sendo ministrados, destaca ele.

Elaborados por pedagogas do Complexo

O plano do curso foi elaborado pelo Pastor Eduardo e pelas pedagogas Priscilla Zocrato e Miriam Célia dos Santos, ambas do Complexo Penitenciário.

A profissional que aplica as aulas é a voluntária da UNP, Juliana Pires Gomes, que atua na área de beleza há mais de 13 anos. Ela também conta com a ajuda de mais
3 assistentes voluntárias, as quais atuam no segmento.

O curso de capacitação básica de cabeleireiro tem uma duração de 50 horas e está sendo realizado desde o dia 22 de abril, sempre às segundas-feiras. Serão 2 meses de aulas e totaliza 20 presas participantes.

São dois turnos de aulas: pela manhã, das 8h às 11h30, e à tarde, das 13h às 16h. No período da manhã é passada toda a teoria, com apresentação de slides. À tarde, porém, as alunas praticam o que foi ensinado.

Já o curso módulo básico de designer de sobrancelha também tem duração de 2 meses. Ao término dele, explicou o Pastor Eduardo, será aplicado um novo curso: o de técnicas de mega hair.

Todo material didático – composto por 4 apostilas e 1 caneta – foi elaborado pela UNP e entregue às participantes.

Certificados e diplomas

A certificação será fornecida pela Secretaria de Estado de Administração Prisional, através da parceria da Diretoria de Ensino e Profissionalização com o Instituto Federal de Muzambinho e a UNP de Minas Gerais.

“A parceria com o grupo Universal nos Presídios trata-se de um exemplo pioneiro que pode inspirar mais instituições – envolvidas no processo de reinserção social – a pensarem possibilidades de junção de seu potencial, em cooperação com a força transformadora da assistência educação, ofertada às pessoas em privação de liberdade. A partir de nossas contribuições e orientações, os representantes da UNP Minas executam um plano de trabalho que atende a todas as prerrogativas para o processo de profissionalização, além de agregar valor reflexivo para a vida egressa das alunas participantes deste projeto. É uma característica feliz do ‘Núcleo de Ensino e Profissionalização da PIEP’, representado por mim e pela pedagoga Priscilla”, explicou Miriam Célia.

Faça parte você também
Se você quer conhecer mais a respeito das ações realizadas pela UNP em todo o País, acesse e curta a página oficial do grupo no Facebook, clicando aqui. Ou procure uma Universal mais próxima de sua casa e saiba como participar.


  • Ivonete Soares / Fotos: Cedidas pela UNP-MG 


reportar erro