Rede aleluia
Reclusos recebem livros e kits de higiene em Namaacha, sul de Moçambique
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 2 de julho de 2020 - 13:40


Reclusos recebem livros e kits de higiene em Namaacha, sul de Moçambique

Grupo Universal nos Presídios (UNP) também levou uma palavra de fé. Saiba como foi

Reclusos recebem livros e kits de higiene em Namaacha, sul de Moçambique

Recentemente, voluntários do grupo Universal nos Presídios (UNP) de Moçambique, no sul da África, visitaram os reclusos do Estabelecimento Penitenciário Distrital de Namaacha, localizado a 76 quilômetros a oeste da capital, Maputo.

Na oportunidade, o grupo realizou a doação de exemplares do livro “O Ouro e o Altar”, de autoria do Bispo Edir Macedo, com objetivo de auxiliar na formação de novos homens. Além de receber o principal, que é uma palavra de fé, eles também ganharam kits de higiene pessoal.

Ajuda necessária

Antes da pandemia do novo coronavírus, os voluntários podiam visitar as unidades prisionais semanalmente. Mas, agora há restrições. Na oportunidade, o Pastor Patrick, coordenador do UNP em Moçambique, mostrou-se satisfeito em poder prestar apoio àquelas pessoas.

“A verdade é que muitos não acreditam mais na vossa recuperação, talvez, nem mesmo os vossos familiares. Se estamos aqui é porque acreditamos na vossa recuperação, mas tal só pode acontecer se cada um colocar em prática a Palavra de Deus”, ressaltou o Pastor.

Ainda durante o encontro, o Pastor destacou a relevância do trabalho que o grupo realiza em prol da população prisional. Ele acrescentou que a Palavra de Deus levada aos reclusos é a única esperança que eles têm no cárcere e, mesmo em meio ao sofrimento naquele lugar, é possível, sim, ter um verdadeiro encontro com Deus, alcançando a mudança de vida.

Durante a ação do UNP, a diretora do Estabelecimento Penitenciário Distrital de Namaacha, Matilde Samuel Mazivila, enalteceu a iniciativa da Universal, que sempre se faz presente – tanto nos bons, quanto nos maus momentos. “Agradecemos a Igreja, a nossa parceira de todos os momentos, pela visita e por disponibilizar livros que vão ajudar na melhoria de vida dos reclusos”, disse.

Grandes problemas

Atualmente, a cadeia de Namaacha conta com 76 reclusos. E enfrenta grandes problemas relacionados à falta de água e à possibilidade de movimentação dos reclusos para a realização das atividades, como o corte de lenha.

O Secretário Permanente do Distrito de Namaacha, Rafael Manhique, também ficou satisfeito com a ação.

“Como Governo, nós sempre acreditamos que a ação da Igreja para a nossa sociedade é necessária. Porque, vem contribuir com a moralização da sociedade e, principalmente, dos reclusos (que, por meio da Igreja, tem a possibilidade de se regenerar). Por meio de iniciativas como estas, os reclusos poderão encontrar a oportunidade de se tornarem cidadãos que possam contribuir para o desenvolvimento de suas famílias e da sociedade, bem como para o seu próprio desenvolvimento”, completou ele.

Ao final da visita, os reclusos ficaram felizes e agradeceram, cantando e dançando. Eles relataram estarem abençoados por serem amparados neste período da COVID-19.

Para saber mais sobre as ações que a Universal tem realizado no País e em todo o mundo, clique aqui. Você também pode se tornar um voluntário. Encontre aqui o endereço de uma igreja mais próxima e se informe.

(*) Com informações da Universal em Maputo


Reclusos recebem livros e kits de higiene em Namaacha, sul de Moçambique
  • Redação (*) / Foto: Cedidas 


reportar erro