Rede aleluia
Quer um feliz Ano-Novo? Faça-o!
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 13 de janeiro de 2019 - 00:05


Quer um feliz Ano-Novo? Faça-o!

Quer um feliz Ano-Novo? Faça-o!

Entramos em um novo ano. Durante a virada, além dos fogos brilhantes no céu, muitas pessoas vestiram roupas brancas e de outras cores que, seguindo superstições, garantiriam o sucesso em determinadas áreas. Algumas pularam ondas, outras não fizeram nada disso, mas acalentaram sonhos e metas que, na maioria das vezes, não duraram mais de 24 horas.

É nocivo desejar prosperidade nas finanças, saúde em dia, encontrar um amor, avançar na vida profissional? De modo algum. Não está errado, pois tudo isso é ótimo. Mas só desejar nunca garantiu nada a ninguém. A expressão “querer é poder” não funciona só por si mesma; ela requer continuidade. Querer é só o primeiro passo, mas se mexer para que algo aconteça é que faz a diferença. Portanto, a frase certa seria: “querer e tomar uma atitude leva a poder ter o que você realmente quer”.

Ninguém, na história da humanidade, conseguiu sucesso pulando ondinhas ou vestindo essa ou aquela cor. Veja a vida dos que fizeram ou fazem sucesso em alguma área. Leia ou mesmo faça uma pesquisa rápida na internet: eles chegaram lá graças à disciplina e aos hábitos. Pode ser um clichê, mas é verdadeiro: o sucesso deles foi construído dia após dia, como se um hábito fosse um tijolinho acrescentado diariamente para formar, depois de um tempo, algo grande e notável.

Portanto, nada de superstições. Adote hábitos. Eles não dependem de datas no calendário, mas de usar o tempo de forma efetiva, aproveitando-o e não desperdiçando-o com sonhos que não passam de desejos sem ação.

Falando em construir o sucesso, lembre-se que nenhuma estrutura é só feita de tijolos. Sem um bom alicerce e uma boa base, não importa se as lajotas usadas são da melhor qualidade – a parede cai a qualquer momento. E, quando falamos em uma vida próspera em todos os sentidos, não podemos dispensar o aspecto espiritual. Sem a disciplina do espírito é até possível chegar ao sucesso, mas não haverá a base necessária para que ele dure ou realmente acrescente algo à sua vida.

Há três hábitos diários que podem alicerçar e erguer seu sucesso. São de fácil execução, mas fundamentais.

O melhor guia: a Palavra de Deus
Imagine que você vai se mudar para outro país. Numa primeira hipótese, você chegará de “mala e cuia” a ele sem conhecer nada nem ninguém. Pode até um dia conseguir uma vida realmente boa ou mesmo satisfatória naquele novo lugar, mas não será nada fácil. Em uma segunda hipótese, pense que você tem um amigo que já more lá e lhe dê dicas, coordenadas, informações, lhe ensine o que fazer – e o que evitar – e como lidar com os novos vizinhos. Claro que também não é fácil, requer esforço e dedicação, mas com certeza será bem menos difícil do que fazê-lo sem conhecer ninguém.

Como não podemos conseguir ou sustentar de pé o sucesso sem o pilar da vida espiritual em dia, que guia seria melhor do que a Palavra do próprio Deus, a Bíblia? Com certeza você tem uma em casa numa estante, numa gaveta ou mesmo aberta em alguma passagem. Ela não é enfeite. Se não for lida, não passa de tinta sobre papel, como qualquer livro ou revista. Mas a Bíblia não é um livro feito por um ser humano. É Deus falando e ponto. E ela não deve ser só lida, mas também praticada.

Um hábito que fará toda a diferença é ler pelo menos um versículo por dia do que Deus quer nos dizer. Não requer muito tempo nem o entendimento de um profissional nas letras ou em teologia. Requer querer e fazer. Além de ler, é imprescindível meditar. Como o que lemos se aplica à vida que temos? Comece e descobrirá. Uma dica: começar pelo livro de Provérbios é uma boa pedida. Pode-se dizer que ele é um “livro de versículos”, pois cada um deles é autoexplicativo.

Limpe seu coração diariamente
Podemos achar que temos mil motivos para guardar rancor de algumas pessoas. Mas o mais prejudicado por ter o coração sujo com a mágoa é quem? Você. Na virada do ano, de que valeu estar vestido de branco e impecável, se o coração nem de longe estava limpo e claro como aquela roupa?

Por isso, antes de dormir, perdoe quem lhe atingiu. Não é uma fórmula mágica, mas faz com que o peso seja aliviado, tornando o dia seguinte mais produtivo.

Vá à casa de Deus frequentemente
Sabemos que Deus está em todo lugar. Podemos – e devemos – procurá-Lo em casa, no trabalho, seja onde for. Mas a Igreja foi feita justamente para nos separar da rotina, do cotidiano, das distrações e focarmos diretamente em Deus e em ouvi-Lo melhor. Use esse espaço para que seus pensamentos se ergam para Ele. O lugar foi construído para isso. Se adotar essas práticas, o “feliz Ano-Novo” será bem mais do que um simples desejo: será uma realidade.


Quer um feliz Ano-Novo? Faça-o!
  • Redação/ Foto: Fotolia 


reportar erro