Rede aleluia
“Quebrei a cara! Por que será?”
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 13 de setembro de 2020 - 00:05


“Quebrei a cara! Por que será?”

Uma linha tênue separa a perseverança da teimosia, mas saber dar o braço a torcer é importante e, por que não dizer, necessário

“Quebrei a cara! Por que será?”

Muitas mulheres se orgulham e batem no peito ao se dizerem teimosas, como se isso fosse uma virtude. Outras confundem teimosia com perseverança. Contudo há uma linha tênue que separa um comportamento do outro e o fato de não sabermos exatamente onde pisamos pode nos conduzir a uma espécie de campo minado em que qualquer passo em falso pode ser espiritualmente catastrófico.

A teimosia vem da insistência de manter a própria vontade e, por isso, muitas mulheres não medem esforços para satisfazer a si mesmas – ainda que isso signifique caminhar na mentira, na injustiça, no pecado, no erro e no autoengano. O “xis” da questão é que muitas chamam a teimosia de Fé e essa ilusão as faz quebrar a cara.

ENTENDA
A teimosia também faz com que a Vontade de Deus seja postergada e pode implicar na manutenção de um relacionamento que não deveria prosseguir, em ter um jeito estúpido, em devolver o mal também com mal ou em distribuir alfinetadas nos outros com o pretexto de não se esquivar da verdade.

Por vezes, a teimosia funciona como um background (plano de fundo) de outras características que a mulher também não quer admitir: a soberba, o orgulho, a arrogância ou uma artimanha para defender bandeiras e ideologias pessoais, como a autossuficiência, por exemplo.

De toda forma, a teimosia faz com que a pessoa ande à mercê das próprias consequências, como diz a Bíblia: “Mas o meu povo não me quis escutar a voz, e Israel não me atendeu. Assim, deixei-o andar na teimosia do seu coração; siga os seus próprios conselhos.”
(Salmos 81.11-12).

O ato de perseverar, por sua vez, revela disciplina e constância – e não rebeldia. É algo extremamente positivo e necessário para a existência da Fé.

COMO SE TORNAR UMA EX-TEIMOSA
Esse comportamento de teimosia tem revelado que muitas mulheres não se submetem à Voz do Espírito Santo e, por isso, não se desprendem das próprias opiniões. Dessa forma, elas têm se tornado mimadas e vazias de Deus. Muitas até insistem em dizer que são fiéis a Ele, quando, na verdade, não são, pois as atitudes que elas têm refletem os frutos de uma natureza carnal.

Em uma postagem em sua rede social, a colunista e escritora Núbia Siqueira observou que a teimosia é uma das maiores causas de sofrimento na vida das pessoas: “infelizmente, a pessoa que é teimosa, mesmo quando está sangrando e sofrendo, continua a repetir os mesmos erros”, comentou. Ela ainda citou que o único remédio para deixar de ser teimosa é reconhecer que tem esse defeito e deixar de ser cabeça-dura.

Como se livrar da teimosia na prática? Basta recorrer à Pessoa do Espírito Santo. É Ele que nos convence da nossa condição de ser humano falho e que nos motiva a mudar. Ele nos mostra quem somos, indica quando e onde erramos e aponta como podemos agradar a Deus.

Portanto busque o Espírito Santo e se submeta a Ele. Agindo assim, você não vai mais fazer escolhas erradas nem quebrar a cara.


“Quebrei a cara! Por que será?”
  • Flavia Francellino / Foto: Getty images 


reportar erro