Rede aleluia
Quarentena: Traga seu amor para perto
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 31 de julho de 2020 - 01:44


Quarentena: Traga seu amor para perto

Não permita que o estresse gerado neste período afete o relacionamento. Saiba como

Quarentena: Traga seu amor para perto

Apesar de em muitos lugares a quarentena estar sendo flexibilizada, ainda se vive o clima tenso gerado pela pandemia. Com preocupações como as incertezas quanto ao futuro financeiro e o medo de contágio. A convivência constante trouxe à tona problemas, até aqui, velados, dentro de muitos lares. E isso pode ser visto no aumento do número de divórcios e de violência doméstica.

Há quem, sob desculpa de toda a pressão vivida neste momento, alegue “não ter cabeça” para interagir com a família. E vive um distanciamento social dentro de sua própria casa.

Tudo o que nos acontece pode nos destruir ou fortalecer. E acredite: isso não é imposto pelas circunstâncias, mas, por nossas decisões. O casal pode ver esse período de tantas adversidades e contratempos como uma oportunidade de fortalecer ainda mais os vínculos afetivos.

Tire proveito

Os apresentadores do programa “The Love School – A Escola do Amor”, Renato e Cristiane Cardoso, ressaltam que antes da quarentena as pessoas tinham todas as desculpas para sair de casa, e os problemas ficavam “embaixo do tapete”. A casa era tipo um hotel – apenas para dormir – e se evitava discutir a relação a todo custo. Mas, agora, o tempo em família tem sido intenso e é preciso lidar com os problemas.

Contudo, Renato alerta que tentar resolver todos os problemas dos últimos anos em dias é uma forma de estressar a relação. Em vez disso, o melhor a fazer é pensar em como tornar o tempo juntos mais agradável e menos estressante.

E isso, segundo Cristiane, envolve ser mais compreensivo um com o outro. “É para isso que se tem família. Para momentos difíceis, onde não temos mais ninguém”. Ela reforça que este não é o momento de provar para todos em casa que você está certo, mas, de fazer a sua parte para diminuir o estresse. É assim que se mostra o amor.

“Você se preocupa em como pode fazer a pessoa feliz neste momento e não em como ela pode te fazer feliz”, destacou o apresentador. E quando um se preocupa em fazer o que o outro precisa, e o faz consistentemente, o outro também passa a querer agradar.

Os apresentadores dão três dicas de como é possível sair da quarentena melhor:

1. Adapte-se
Todo mundo modificou a rotina nesse período. A regra da sobrevivência determina que quem se adapta mais rápido é mais bem-sucedido e tem vantagens sobre aqueles que resistem às mudanças. E resistir não irá poupá-lo do que você não quer mudar. Pelo contrário, a sua resistência dá mais trabalho do que se adaptar.

2. Aproveite esta situação para resolver os problemas
A quarentena oferece esse tempo para resolver os problemas. Seja os que por causa da correria do dia a dia acabaram sendo protelados, ou aqueles que foram intencionalmente evitados. Para o casal, resolver questões pendentes significa, muitas vezes, ter a temida “DR” (discutir a relação). Procure abordar o cônjuge para estas conversas na hora e maneira corretas, sem ataques.

3. Aprecie
O sábio sabe apreciar o que tem e isso começa com o olhar. É difícil apreciar quando se está ocupado com outras coisas e pessoas. Olhe para o cônjuge de modo diferente. Aprecie as qualidades dele(a). Pois, a falta de apreciação gera insegurança.

Recentemente, foi exibido no programa, exemplos de casais que estão tirando proveito da maior proximidade gerada pela quarentena. Assista no vídeo abaixo:

Palestras da “Terapia do Amor”

E para aprender a cuidar do relacionamento, não só em tempos de quarentena, participe das palestras da Terapia do Amor”. Elas acontecem às quintas-feiras, no Templo de Salomão e também em outras localidades. Consulte aqui o endereço mais próximo de você.


Quarentena: Traga seu amor para perto
  • Núbia Onara / Foto: Getty Images 


reportar erro