Rede aleluia

Notícias | 12 de março de 2018 - 03:05


Quanto vale sua honestidade?

Homem encontra 18 mil na rua e devolve ao dono. Você faria o mesmo?

O que vale mais: R$ 18 mil ou sua honestidade? No caso de Carlos Roberto Santana, um vendedor de verduras sul-mato-grossense de 67 anos de idade, a honestidade vale mais.

Carlos encontrou na rua uma carteira com R$ 450 em espécie, mais cheques no valor de R$ 18 mil e documentos. Muitos ficariam com o dinheiro, mas o vendedor não. Ele telefonou para o homem que havia perdido a carteira, devolveu tudo o que encontrou e ainda se recusou a receber alguma recompensa.

“A confiança vale muito mais do que bem material. Quero ser honesto, quero ser o que eu sou, quero honrar a minha consciência”, declarou à imprensa.

Por que ser honesto é importante

Em seu blog pessoal, o Bispo Júlio Freitas explica porque é tão importante manter a honestidade, independentemente de qualquer circunstância:

“Não existe, não faz sentido e, definitivamente, não tem valor algum quando apenas fazemos o que é certo em algumas coisas, mas em outras falhamos redondamente.”

O Bispo destaca a seguinte passagem bíblica:

E Jesus disse-lhe: Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento.
Este é o primeiro e grande mandamento.
E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Mateus 22.37:39

De acordo com ele, amar a Deus de todo o coração “é ser obediente e fiel a Ele, apesar de tudo e de todos”.

Já amar ao próximo é “ser honesto com o próximo, pois assim estará a mostrar o amor e consideração não só que tem por ele, mas que espera que tenham por si também”.

E você, tem dado aos outros a consideração que espera receber? Clique aqui e leia a mensagem completa do Bispo Júlio Freitas.


  • Por Andre Batista / Imagem: Thinkstock 


reportar erro