Rede aleluia
Programa social ajuda México a avançar na alfabetização
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 15 de agosto de 2018 - 10:17


Programa social ajuda México a avançar na alfabetização

Jovens e adultos conquistam melhores empregos após formação

Programa social ajuda México a avançar na alfabetização

No México, o programa social Ler e Escrever da Universal, tem ajudado jovens e idosos a se formarem no ensino fundamental e médio. O objetivo é reduzir o analfabetismo e o atraso educacional no país. Dados oficiais apontam que cerca de 5% dos mexicanos adultos não são alfabetizados.
O programa Ler e Escrever e o Instituto Nacional de Educação de Adultos (INEA) trabalham juntos na alfabetização de jovens e adultos a partir dos 15 anos de idade. São indivíduos que não terminaram seus estudos, ou que não tiveram acesso à educação básica com certificação.

O Pastor Sérgio Campos, responsável pelo trabalho social no país, explica que o Instituto INEA sempre expressou seu prazer em colaborar com o projeto Ler e Escrever.
“Os alunos chegam desmotivados por não conseguir, sequer, seu primeiro emprego por falta de alfabetização. É gratificante vê-los conquistando um trabalho melhor, salários mais altos e profissionalizando-se através do fruto do programa social”, relata o Pastor.
Até o momento já foram entregues 390 certificados: 120 de nível primário e 270 no nível secundário.
As aulas acontecem semanalmente nos dias de sábado e domingo, com duração de 2 horas. O programa social conta com 20 professores voluntários e, em média, 70 alunos por aula.
Recentemente, foram incorporadas aulas e consultorias de informática para que jovens e idosos possam entrar no mundo digital.
Os programas sociais da Universal no México
A Igreja Universal se estabeleceu há 26 anos no país. Até o momento, existem 7 programas sociais ativos, atendendo jovens, idosos, encarcerados, moradores de rua. Neste ano já beneficiaram mais de 70 mil mexicanos.


Programa social ajuda México a avançar na alfabetização
  • Unicom / Fotos: Cedidas 


reportar erro