Rede aleluia
Pessoas em situação de rua recebem alimento em Lisboa, capital portuguesa
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 2 de setembro de 2020 - 14:39


Pessoas em situação de rua recebem alimento em Lisboa, capital portuguesa

Ação foi promovida pelo grupo Anjos da Noite do Templo Maior. Saiba como foi

Pessoas em situação de rua recebem alimento em Lisboa, capital portuguesa

Cerca de 50 voluntários do grupo Anjos da Noite do Templo Maior, em Lisboa, capital portuguesa, participaram de uma campanha solidária para suprir as necessidades de quem vive em situação de rua no bairro de Rossio.

Na oportunidade, além de levar uma refeição, fruta, pão, uma bebida ou sopa quente, os voluntários se preocuparam em oferecer o mais importante: alimento para a alma com o objetivo de mostrar que há uma saída para a situação desesperadora na qual vivem. Por meio de exemplares de revista, eles levaram uma mensagem de fé.

A ação durou duas horas. Na ocasião, centenas de pessoas que estavam depressivas foram alcançadas. Inúmeras histórias de vida foram compartilhadas por essas pessoas que vivem na rua, entre elas, pais de família que perderam seus empregos e impossibilitados de pagar suas contas não encontraram outra saída.

De acordo com o Pastor Francisco Silva, responsável pelo grupo Universal nos Presídios (UNP)/Unisocial, e que  esteve à frente da ação, esse trabalho tem sido intensificado durante às terças-feiras para levar apoio àqueles que sofrem. “A Universal não promete, ela faz”, ressaltou ele.

Assista ao vídeo abaixo e veja como foi a ação:


Pessoas em situação de rua recebem alimento em Lisboa, capital portuguesa
  • Redação / Foto: Reprodução  


reportar erro