Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 16 de dezembro de 2018 - 00:05


O sucesso da novela Jesus, da Record TV

A história de vida dos personagens tem conquistado telespectadores de todo o mundo

Depois de ter estabelecido recordes de audiência no Panamá, nos Estados Unidos e em Moçambique, no dia 27 de novembro, Jesus, novela da Record TV, chegou a Portugal. Segundo dados do instituto de pesquisa GFK, que realiza a medição da audiência de programas de TV, a trama alcançou no país uma audiência total superior a 130 mil telespectadores e registou 5,2% do consumo total do conjunto de canais exclusivamente transmitidos pelo sinal a cabo. Com o resultado, a Record TV Portugal obteve os maiores índices de audiência diários neste ano.
Já em Moçambique a novela estreou na TV Miramar, filiada da Record TV, no dia 17 de outubro deste ano e teve uma audiência histórica no país, de acordo com a empresa de estudos de mercado Ipsos. Foram mais de 6 milhões de telespectadores ligados na TV Miramar. A novela é exibida de segunda a domingo, às 21 horas.

A produção, que conta a história de Jesus e como Ele veio ao mundo para salvar a humanidade, tem sido um sucesso por onde quer que passe. O enredo também mostra a vida de personagens inspiradores e traz grandes aprendizados para o público.
A portuguesa Mafalda Patrícia Gonçalves Pereira Duarte, de 30 anos (foto a esq.), que é administradora, conta qual é o personagem, além de Jesus, que ela mais admira: “Maria. Ela passa por diversas dificuldades e, mesmo assim, continua a ter fé nos planos de Deus para ela. Mesmo recebendo a notícia de que seria mãe de Jesus, sem nem sequer estar casada, não temeu. Simplesmente creu. A sua força e fé chamam atenção de todos. Mesmo com tantas pessoas contra ela, ela não pagava com a mesma moeda e continuou sendo uma mulher bondosa e ajudando o próximo”, afirma.

Para Mafalda, Maria não precisou que ninguém lhe desse apoio. Ela apenas confiou em Deus. “Pensando nos dias de hoje não é fácil ter uma fé tão genuína como a de Maria”, avalia. A personagem é interpretada por Juliana Xavier na primeira fase e por Claudia Mauro na segunda.
A estudante moçambicana Gercia Américo Parruque, de 24 anos (foto a dir.), acompanha a novela desde a estreia. Mirian, interpretada pelas atrizes Victória Pozzan na primeira fase e Beth Goulart na segunda fase, é uma inspiração para a telespectadora. “Mirian é uma mulher de coração puro, sincera, amorosa e gentil. Ela sempre tem senso de humor e uma frase divertida na ponta da língua, além de manter uma amizade verdadeira com Maria de Nazaré. Me identifico muito com essa personagem e tenho aprendido a ser uma pessoa melhor”, diz.

Exemplo de recomeço
Para o jornalista Márcio Augusto, de 42 anos (foto a esq.), de São Paulo, a personagem Adela, interpretada pela atriz Adriana Garambone, é um exemplo de superação. “Adela era uma prostituta não por prazer, mas por necessidade. Ela errou muito, mas quando encontra o Messias vê a chance de mudar. Ela não tem medo de recomeçar do zero. Adela aceita ser uma mulher simples e passa a batalhar pelos seus sonhos honestamente. Muitas pessoas têm medo de perder algo por se entregarem a Deus, mas o que perdemos é nada, comparado ao que ganhamos dEle”, comenta.

Vilão
Entretanto não são só os personagens “bonzinhos” que chamam atenção do público. A radialista Elaine Rocha, de 37 anos (foto a dir.), fala do pulso firme do vilão Pôncio Pilatos (vivido pelo ator Nicola Siri), governador da Judeia na época em que Jesus foi crucificado. Ele despreza os judeus, odeia viver em Jerusalém e perde a paciência com facilidade. Sua fúria é contida apenas pela esposa Claudia (Larissa Maciel), a quem admira, ama e respeita.
Pilatos tenta salvar Jesus da crucificação, por influência da mulher, mas falha no seu intento. “Mesmo sendo romano e sanguinário, Pilatos mostra que é uma pessoa destemida e confiante e, muitas vezes, demonstra que tem mais determinação do que aqueles que se dizem seguidores de Jesus”, ressalta.
Essa é uma pequena mostra de alguns personagens que têm levado o público a não perder nenhum capítulo da novela tanto no Brasil como em todo o mundo.


  • Maiara Máximo / Fotos: Arquivo Pessoal, Demetrio Koch e Edu Moraes  


reportar erro