Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 11 de abril de 2018 - 03:05


O que ele mais temia aconteceu

Conheça a história de Cristian, que esteve envolvido no mundo do crime e do tráfico no estado do Rio Grande do Sul

A cada ano, aumenta o número de adolescentes que cumprem pena em unidades socioeducativas no Brasil. De acordo com o último anuário do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, o número de jovens entre 12 e 17 anos apreendidos por prática de atividades criminosas cresceu seis vezes, entre 1996 e 2014.

Diante deste cenário, a Universal tem intensificado suas atividades em unidades para menores que cumprem medidas socioeducativas. No Rio Grande do Sul, por exemplo, o trabalho do grupo Universal Socioeducativo (USE) tem crescido consideravelmente todos os meses.

Já são mais de 2 mil menores atendidos, dos quais, muitos já se entregaram ao Senhor Jesus. Os voluntários do grupo realizam visitas semanais a essas unidades e atendem desde as famílias até os menores. O Pastor Felipe Ferreira é o responsável pelo grupo no estado. Ele conta que a cada visita, os voluntários levam esperança a todos.

“Os jovens nos aguardam, porque sabem que não entramos ali para levar religião, mas para passar uma mensagem de fé que abre a visão deles”, declara o Pastor.

Resultados

Cristian Kalman é um desses exemplos de transformação dentro de uma unidade para menores. Segundo conta, ele era um jovem trabalhador e estudioso até conhecer a maconha. A partir daí, tudo o que ele ganhava era para sustentar o vício, até perder o emprego e não ter mais como financiar as drogas que usava. A solução que o jovem encontrou – relembra – foi começar a roubar e traficar.

Aos 20 anos, Cristian coleciona oito passagens pela polícia. Em um de seus assaltos o que mais temia aconteceu: ele foi apreendido. Dentro da unidade socioeducativa o jovem recebia visitas de voluntários da Universal, que mostravam a ele um futuro diferente.

“Os obreiros levavam a Palavra de Deus, o jornal Folha Universal e eu fui lendo e guardando aquelas palavras. Eu falava para Deus que quando eu saísse de lá eu ia procurar uma igreja”, lembra o jovem

E foi o que ele fez. Ao receber a liberdade, Cristian procurou a Universal e hoje desfruta de uma vida completamente livre das drogas e tem a oportunidade de ajudar outros jovens que se encontram na situação que ele estava.

“Hoje eu volto na porta de unidades socioeducativas na condição de voluntário trazendo a Palavra de fé, a mesma que encontrei lá dentro. Não desista do seu filho, neto ou sobrinho, porque assim como Deus transformou a minha vida, Ele vai transformar a vida deles”, finaliza o jovem.

Reconhecimento

Recentemente o grupo Universal Socioeducativo do Rio Grande do Sul recebeu uma homenagem na Câmara Municipal de Uruguaiana. A solenidade foi uma iniciativa da vereadora Zulma Ancelino, que homenageou, na semana da paz, três instituições que possuem a responsabilidade de promover a paz na sociedade.


  • Por Rafaela Dias / Fotos: Cedidas 


reportar erro