Rede aleluia

Notícias | 22 de julho de 2019 - 10:10


O que causa a infelicidade amorosa?

Para conquistar a felicidade é necessário estar bem resolvido internamente. Saiba o que José e Fernanda fizeram para alcançá-la

Não estar bem internamente é um dos principais motivos de decepções e dos fracassos amorosos. Muitos desejam a felicidade sentimental, mas a bagagem que carregam pode atrapalhar e até impedir seus planos.

Por causa dos traumas e das inseguranças, Fernanda Maia de Castro, de 42 anos, e José Geraldo da Silva, de 33 anos, colecionavam frustrações amorosas. Por conta delas, eles chegaram a Terapia do Amor com desejo de morrer.

Fernanda era uma mulher insegura, traumatizada e com complexo de inferioridade. Ela conta que, em seus relacionamentos do passado, o ciúme e as obsessões eram as principais razões das brigas. “Ser feliz sentimentalmente era o que eu mais desejava, mas parecia impossível. Eu só vivia traições, relacionamentos abusivos e marcados pelo ciúme. E, quando eu gostava de uma pessoa, ela não correspondia a esse sentimento e só brincava comigo.”

Cansada de sofrer, ela tentou o suicídio duas vezes. “Depois das tentativas eu ficava mais frustrada ainda porque não conseguia realizar nem o objetivo de morrer”, relata.

José também foi traído e conta que teve três casamentos fracassados. “Além da infidelidade, havia muitas brigas, ciúmes, falta de confiança e até agressões físicas da minha parte”, diz.

Ele relembra que a infelicidade amorosa e os conflitos interiores o levaram a desejar a morte. “Eu tentei o suicídio três vezes. Para mim não havia mais motivo para viver. Eu achava que todas as mulheres eram iguais e não tinha nem sequer um minuto de paz.”

Mudando a história
Eles não se conheciam quando receberam o convite para participar da Terapia do Amor. “Assim que cheguei nas palestras, entendi que todas as minhas frustrações vinham de um problema interior e que precisava me curar dos traumas para ser feliz”, pontua Fernanda.

José também compreeendeu que para obter a felicidade amorosa precisava do Autor do Amor em sua vida. “Era preciso que meu interior fosse limpo e curado. Comecei a cuidar de mim, me tornei um homem de Deus e me preparei para ter uma mulher de Deus ao meu lado e para fazê-la feliz.”

Após alguns anos frequentando as palestras, já curados e resolvidos internamente, eles se conheceram e decidiram começar um relacionamento. “Quando eu vi a Fernanda, me encantei por ela, mas quando tentei conversar ela nem me deu espaço. Contudo persisti até que consegui conquistá-la e a pedi em namoro”, relembra José.

Depois de um tempo de namoro e noivado, eles se casaram em maio deste ano. “Hoje, além de ser feliz interiormente, conquistei a felicidade sentimental com o José. Deus me proporcionou um grande homem como esposo e agora somos realizados amorosamente. Toda a espera, confiança e obediência foi compensada”, finaliza Fernanda.


  • Camila Teodoro / Fotos: Gettyimages e Arquivo Pessoal 


reportar erro