Rede aleluia
O caos causado pela pandemia e a mão amiga que se estende para ajudar
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 6 de Maio de 2021 - 21:06


O caos causado pela pandemia e a mão amiga que se estende para ajudar

Voluntários do grupo Anjos da Madrugada amparam pessoas em situação de vulnerabilidade na França

O caos causado pela pandemia e a mão amiga que se estende para ajudar

Há mais de um ano, a pandemia do novo coronavírus deixou um rastro de destruição no mundo inteiro. Além das mortes, há também a crise financeira, psicológica e, principalmente, na saúde.

Na França, por exemplo, famílias carentes, como as de imigrantes e mesmo do próprio país, foram bastante afetadas pelos problemas mencionados acima. Em meio a todo esse caos, muitas estão dependendo de doações e ações sociais.

Por isso, voluntários do grupo Anjos da Madrugada da Universal no país têm realizado diversas ações sociais para ajudar aos mais necessitados. Às terças-feiras, eles realizam doações de refeições, lanches, bebidas quentes e roupas nos pontos de referência das principais cidades.

O trabalho social já é realizado há muitos anos, mas foi intensificado neste período. Só no mês de março foram doados mais de uma tonelada de alimentos, 300 kits de higiene, além de mais de 2,6 mil refeições e 6 mil lanches.

“Neste mês, tivemos a oportunidade de ajudar mais de 7,6 mil pessoas, entre as de baixa renda, em situação de rua, refugiados ou que sofrem com vícios e problemas familiares. Além disso, prestamos auxílio com uma palavra de ânimo e força em tempos de pandemia, perdas e dificuldades,” comentou o Pastor Alfredo Neves, responsável pela obra social na França.

Confira mais ações do projeto Anjos da Madrugada curtindo sua página oficial no Facebook, no Instagram e no Twitter.


O caos causado pela pandemia e a mão amiga que se estende para ajudar
  • Sabrina Marques / Fotos: Cedidas 


reportar erro