Rede aleluia
Piada de mau gosto expõe preconceito de comunicadores da BandNews FM
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCaraguatatubaCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 5 de Novembro de 2018 - 17:56


Piada de mau gosto expõe preconceito de comunicadores da BandNews FM

Âncora e humorista atacam a fé cristã

A Igreja Universal do Reino de Deus lamenta profundamente o tom pejorativo dispensado aos evangélicos por profissionais contratados pela Rádio BandNews FM.
No dia 29/10, já conhecido o resultado do segundo turno das Eleições de 2018, o âncora da emissora Ricardo Boechat e o humorista José Simão resolveram fazer piada com a Fé do novo governador do Rio de Janeiro e do prefeito da capital do estado.
“O Rio vai ficar com prefeito e governador evangélicos. Não combina!”, sentenciou Simão, acrescentando que “os cariocas agora não vão pagar imposto, vão pagar dízimo”.
Ao comentário de Boechat de que o prefeito Marcelo Crivella havia apoiado a candidatura de Wilson Witzel, o humorista concluiu que o motivo seria a transformação do Sambódromo no Templo de Salomão.
Por trás dessas piadas sem graça, há um mal disfarçado desconforto com o fato de evangélicos ocuparem cada vez mais espaço na vida do país, eleitos pelo povo que não suporta mais tanta roubalheira e incompetência.
O Brasil é um Estado laico, o que significa que existe uma completa separação entre igreja e governo. Menos na cabeça de setores da mídia – como é o caso de Simão e Boechat – que acreditam que o Estado laico não vale para os evangélicos, mas apenas para outras religiões.
A Universal espera que a mídia entenda e respeite a clara mensagem que a população brasileira deixou nas urnas.
E sobre o humor de José Simão a respeito dos evangélicos: a graça termina onde começa o preconceito.
UNIcom – Departamento de Comunicação Social e de Relações Institucionais da Universal


Piada de mau gosto expõe preconceito de comunicadores da BandNews FM
  • UNIcom 


reportar erro