Rede aleluia
Complicações em cirurgia estética: “Perdi metade do sangue do meu corpo”
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 12 de janeiro de 2021 - 19:37


Complicações em cirurgia estética: “Perdi metade do sangue do meu corpo”

Crystal Hefner quase perdeu a vida em um procedimento de transferência de gordura

Complicações em cirurgia estética: “Perdi metade do sangue do meu corpo”

Recentemente, a modelo americana Crystal Hefner usou uma rede social para contar aos seguidores o susto que passou com uma cirurgia estética. A modelo, de 34 anos, revelou que quase não resistiu a uma cirurgia de transferência de gordura. 

“Fiz uma cirurgia de transferência de gordura em 16 de outubro e quase não consegui sobreviver. Perdi metade do sangue do meu corpo e acabei no hospital precisando de uma transfusão de sangue”, contou a modelo na internet.

Essa não é a primeira vez que Hefner passou por um susto durante uma cirurgia. Em seu post, ela lembrou que em 2016 precisou retirar “implantes e tudo de mais tóxico” do corpo.

“Eu deveria ter aprendido minha lição da primeira vez, mas acho que o universo continua enviando a você a mesma lição até que você a aprenda”, disse.

Crystal, que já foi noiva do fundador da revista Playboy, desabafou sobre fazer de sua aparência o seu trabalho.

“Por dez anos meu valor foi baseado em como meu corpo físico parecia bom. Fui recompensada e ganhei a vida com base em minha aparência externa. Até hoje preciso escrever lembretes de por que sou digna, que nada têm a ver com minha aparência física, para me convencer de que sou o suficiente”, escreveu ela.

Beleza interior

Não é difícil encontrar uma mulher que queira mudar algo em seu corpo. Seja mudar o nariz, fazer uma lipoaspiração ou uma simples progressiva em seu cabelo, a insatisfação com sua aparência é comum entre as mulheres.

Algumas chegam a procurar tratamentos estéticos para se ver bem e para estar melhor consigo mesmas. Contudo, o que muitas esquecem é que seu valor não está no exterior.

A escritora, palestrante e apresentadora do programa The Love School – A Escola do Amor, Cristiane Cardoso, pontuou, em sua coluna, que a moda tem feito com que as mulheres se igualem umas às outras. 

“A moda quer que pareçamos todas umas com as outras, e quem sabe assim, através das redes sociais, venhamos também se comportar igual. Já reparou que hoje se você não é sexy, você não se sente bonita? Já reparou que a mulher, no geral, para se sentir bem consigo mesma precisa de tratamentos estéticos?”, comentou a escritora. 

Contudo, o que realmente importa não é a aparência física, mas o que a mulher tem dentro de si. A própria Bíblia Sagrada mostra que o homem repara na aparência, mas Deus observa o interior (Veja em 1 Samuel 16:7).

Cristiane também ressaltou que Deus valoriza o ser humano acima de qualquer aparência e que “quem se casa com Ele pode ter rugas no rosto e corpo, que não chama tanta atenção”.


Complicações em cirurgia estética: “Perdi metade do sangue do meu corpo”
  • Rafaela Dias / Foto: Reprodução Instagram 


reportar erro