Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 18 de março de 2018 - 03:05


“Meu ex-marido quer que eu seja a amante dele”

Lidar com o fim de um casamento não é fácil, ainda mais quando houve traições e o relacionamento deixou feridas e marcas. A aluna Luana, do A Escola do Amor Responde desta semana, está passando por essa situação e pediu ajuda aos professores Renato e Cristiane Cardoso. Confira as orientações do casal, que é especialista em questões relacionadas à vida amorosa.

Aluna – Tenho 29 anos e fui casada durante quase nove anos. Meu ex-marido sempre me traia e saiu de casa há dois meses. Já assumiu que está com outra pessoa, mas, mesmo assim, continua me mandando mensagens, querendo que eu continue “ficando” com ele e talvez como a outra também. Sofro muito com isso. O que devo fazer?

Cristiane – Você deve dizer não a ele.

Renato – E, além de dizer não, você deve prosseguir com o divórcio.

Cristiane – Eu sei que você está sofrendo, pois foram nove anos de casamento e provavelmente você o ama muito. Contudo, ele não está fazendo o que é certo, que seria tentar voltar com você como marido. E você, por estar sofrendo demais, não consegue enxergar o que é obvio. Você deve ter muitas dúvidas, em especial por não saber o que fazer com o marido que a deixou há dois meses, que já está namorando outra mulher e, ao mesmo tempo, quer que você volte com ele e aceite a outra. No entanto, você precisa de ajuda para se conscientizar de que o que está permitindo que ele faça com você é errado.

Renato – Enquanto ele encontrá-la disponível e disposta a aceitar qualquer interação com ele, vai continuar com essa patifaria, essa cafajestagem de querer que você, que era esposa dele, se torne a outra. O simples fato de você considerar a proposta que ele fez já mostra como você tem se mostrado para ele. Na verdade, ele a enxerga como uma mulher qualquer. É você que está permitindo que ele a veja desse jeito. Tanto que você chegou a ponto de nos perguntar o que deve fazer. Você não tem ideia do absurdo disso que ele está fazendo com você. Luana, minha orientação para você é bloquear seu ex de todas as formas, a não ser que vocês tenham um filho e ele precise ter acesso à criança. Se não for o caso, o bloqueie. Prossiga imediatamente com o divórcio e faça com que ele cumpra seus deveres perante a lei. Isso mostrará a ele que você tem dignidade e respeito próprio. E, se você tem alguma esperança de que ele possa mudar, a primeira coisa que deve acontecer com você é elevar a sua autoestima, o seu senso de valor próprio. Porque se você depender dele, ele vai continuar humilhando-a.

A restauração começa com você. Esse é o primeiro passo. Eu sei que você está triste e é tudo muito recente, mas não adianta se manter emotiva. Você tem que ser lógica, racional, verdadeira e olhar os fatos como eles são. Ele é um cafajeste e está querendo colocar você abaixo dele. Se você quer ajuda e forças para lidar com isso, indicamos as palestras da Terapia do Amor. Elas ajudam as pessoas que estão humilhadas, envergonhadas, enfraquecidas por uma traição ou por uma decepção amorosa a se reconstruírem. Você precisa se reconstruir.

Cristiane – Você se desvaloriza e se acha muito inferior a ele. Está machucada e se sentindo a pior pessoa do mundo porque ele está fazendo você se sentir um nada, um zero. E, se você é uma pessoa sem estrutura emocional, não vai conseguir seguir em frente. Por isso muitas pessoas que estão em uma situação como a sua pensam em morrer, começam a emagrecer, ficam doentes e com vários problemas. Os filhos vivem pedindo para serem educados, solicitam carinho e atenção e a pessoa não tem cabeça para isso. Nós queremos ajudá-la, mas você precisa estar disposta a fazer o que falamos e participar das palestras da Terapia do Amor para se levantar, sair desse buraco e se tornar a mulher que você nunca foi.

A Escola do Amor Responde

Diariamente, Renato e Cristiane Cardoso esclarecem dúvidas sobre a vida amorosa. Se você deseja ouvir os podcasts com os programas apresentados por eles, acesse blogs.universal.org/renatocardoso/escola/


  • Por Michele Francisco/ Foto: Fotolia  


reportar erro