Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 23 de janeiro de 2020 - 12:45


Marta, antes no escuro, ao se libertar, passou a enxergar

Saiba qual foi ainda a maior descoberta da vida dela. Assista ao vídeo com o testemunho completo da administradora

A administradora Marta cresceu em um ambiente familiar destruído. Nasceu rejeitada pelo pai. Filha e sobrinha de duas mães solteiras, assim como os seus primos, foi criada pela avó – enquanto mãe e tia saíam todos os dias para trabalhar e sustentar a família.

Dentro de casa, qualquer motivo virava uma briga na família de Marta. De discussões verbais a agressões físicas, até ameaças com arma branca, como facas e tesouras, ela sofreu. A ponto de se trancar no quarto com sua mãe, fugindo da violência dos parentes.

Por conta disso, tornou-se uma pessoa muito triste e angustiada. Até então, ela não entendia de onde vinham esses sentimentos. E dentro dela foi se desenvolvendo um vazio muito grande. Tanto que chegou a vagar por ruas ermas com a intenção de sofrer um atentado contra a sua vida. A essa altura, Marta já sentia vontade de morrer.

Um dia, ao assistir a uma programação da Universal na tevê, Marta ouviu o Pastor falar sobre uma oração forte de libertação que seria realizada. De pronto, despertou uma esperança dentro dela. Decidiu ir a uma reunião. Foi quando os seus olhos se abriram.

Antes no escuro, passou a enxergar

Ao chegar, ela sentiu que, antes, se encontrava no escuro. Mas, agora havia passado a enxergar. Você quer saber, depois disso, qual foi ainda a maior descoberta da vida de Marta? Assista ao vídeo com o testemunho completo dela e saiba mais sobre essa história:

Uma vida transformada

Se você está passando por uma situação semelhante a que Marta enfrentou e deseja também transformar a sua vida, então, faça o mesmo que ela. Procure hoje mesmo uma Universal mais próxima de sua casa, participe de uma reunião de fé e receba a paz que só Deus pode lhe proporcionar.

Caso esteja em São Paulo, vá ao Templo de Salomão, que está localizado na Avenida Celso Garcia, 605, no bairro do Brás, zona leste.


  • Redação / Foto: Reprodução 


reportar erro