Rede aleluia

Notícias | 10 de outubro de 2019 - 12:09


Há 22 anos no Gabão, Universal inaugura 18º templo no país

Na capital Libreville, onde também se encontra a sede nacional, Igreja já foi de madeira. Conheça o novo templo e saiba como foi a cerimônia de inauguração

Há 22 anos no Gabão, localizado na África Central (costa do Atlântico), a Universal conta atualmente com 18 templos no país de pouco mais de 2 milhões de habitantes. O último templo foi inaugurado em 29 de setembro na capital Libreville, onde (desde 2014) também se encontra a sede nacional.

O novo templo fica no 6° distrito da cidade, no bairro de PK11 Melen. A saber, o distrito tem uma população de 77 mil habitantes. E, ademais, as reuniões são realizadas em francês, a língua oficial do Gabão. Anteriormente, nessa mesma localidade, havia uma igreja feita de madeira e, depois, uma grande tenda.

“Durante anos fomos humilhados e perseguidos nesta região devido à igreja estar num local não tão privilegiado. E, também, por a construção ser de madeira, e depois em uma tenda. Porém, como está escrito no livro de Ageu, ‘a glória desta última casa será maior do que a da primeira’. É isso o que estamos vendo aqui hoje, o cumprimento da Palavra. Toda honra e a glória ao nosso Senhor Jesus, por essa grande porta, aqui onde milhares de almas serão salvas”, explanou o Bispo Fabiano Telis, responsável da Universal no país.

Novo templo em Libreville

Com o novo templo, a capacidade para receber a população da região aumentou. O terreno tem 1.740 metros quadrados de área construída. Há um salão para 900 pessoas sentadas. Também há disponível três salas para a Escola Bíblica Infantil (EBI), bem como sala de conferência, banheiros (inclusive para deficientes físicos) e outras salas em geral.

A inauguração do templo em Libreville representa uma vitória para aqueles que persistiram diante das dificuldades e recordam quando começaram a ir às reuniões ainda na antiga construção de madeira.

“Quando cheguei à Universal, em 2016, encontrei a igreja feita de madeira. As pessoas nos desprezavam e zombavam. Depois, ainda fomos para uma grande tenda. Mas, sempre com fé. E, Deus nos abençoou. Hoje, temos um templo para testemunhar e mostrar a grandeza do nosso Deus”, contou a técnica de higiene, Nongo Francette Danielle, de 43 anos.

Fé no Deus Vivo

No dia da inauguração, nem a forte chuva que caiu sobre a cidade de Libreville impediu a participação da população na cerimônia. Cerca de 3.400 pessoas compareceram à Igreja nesse dia. Parte delas, acomodadas em estruturas instaladas na área externa do templo.

A contabilista Madjombi Alexia, de 39 anos, está na Universal há mais de oito anos. Ela se recorda do tempo de luta e afirma que o compromisso e a dedicação os levaram a esse resultado.

“Durante esses 8 anos e meio, a Igreja atravessou várias lutas, incluindo insultos, humilhações, calúnias e perseguições. Mas, todas essas coisas ficaram para trás. E, hoje, diante dos olhos de todos, a glória de Deus é manifestada. O novo templo é o resultado do trabalho de equipe, de homens e mulheres comprometidos e determinados com a fé no Deus Vivo”, declarou.

Também estiveram presentes autoridades do Governo como o ministro de promoção de investimentos e parcerias público-privadas M.Francis Nkea Ndzigue e autoridades locais como o vice-prefeito do distrito Davy Ovono.

Casa fundada sobre a Rocha

Durante a reunião inaugural, o Bispo Fabiano Telis, baseado em Lucas 6:46-49, passou uma mensagem sobre a fé inabalável, exemplificando com a força que tem a casa fundada na Rocha.

“Existem dois tipos de casas, a fundada sobre a Rocha (com o Espírito Santo) e a fundada sobre a areia (sem o Espírito Santo). Todos os que praticam a Palavra de Deus tem o Espírito da fé inabalável. Podem vir os ventos fortes, as tempestades de problemas, as perseguições. Mas, a casa fundada na Rocha permanece de pé e não será abalada. Pois, sua estrutura espiritual é forte. O mesmo não acontece com a casa fundamentada sobre a areia. Porque sua estrutura é fraca, então, ela cai”, disse o Bispo.

Gostou da matéria acima? E, quer saber mais sobre o trabalho da Universal no Brasil, países da África e pelo mundo? Então, acompanhe diariamente as publicações do Universal.org e deixe o seu comentário abaixo de cada texto.

Veja abaixo galeria com mais fotos da inauguração:


  • Michele Roza / Fotos: Cedidas 


reportar erro