Rede aleluia

Notícias | 24 de outubro de 2018 - 13:27


Fake News: horários das urnas eletrônicas

Boatos têm preocupado eleitores brasileiros

A mentira:

Circula pelas redes sociais a informação de que as urnas eletrônicas estariam programadas para aderirem ao horário de verão antecipadamente. Dessa maneira, elas não computariam os votos realizados antes das 9h ou após as 17h.

A verdade:

O horário de verão no Brasil terá início no dia 4 de novembro, uma semana após as eleições.

Até 2017 a mudança de horário ocorria no mês de outubro. Este ano, porém, o Superior Tribunal Eleitoral (STE) pediu a alteração da data justamente para que não haja confusões entre os eleitores.

Dessa maneira, o relógio correrá normalmente no dia 28 de outubro e as urnas receberão votos no horário estabelecido pelo Código Eleitoral Brasileiro: das 8h às 17h.

Espera na divulgação dos resultados:

O território brasileiro possui quatro fusos horários:

– UTC-2, em alguns arquipélagos mais afastados do continente;

– UTC- 3, no Distrito Federal e nas regiões Sul, Sudeste e Nordeste, além dos estados de Amapá, Goiás, Tocantins e Pará;

– UTC-4, em Mato Grosso, Mato Grosso do Sol, Rondônia, Roraima e em quase todas as cidades amazonenses;

– UTC-5: Acre e 13 cidades do Amazonas.

Cada grau de fuso-horário equivale a uma hora de diferença. Ou seja: enquanto no Distrito Federal é 17h, em Mato Grosso ainda é 16h e no Acre 15h.

A apuração dos votos tem início apenas após a última urna eletrônica ser fechada, no Acre. O horário de verão não tem qualquer relação com essa espera.

Assim sendo, mantenha seu relógio no horário oficial de sua cidade e vá às urnas entre as 8h e às 17h para cumprir o seu dever como cidadão brasileiro.


  • Andre Batista / Imagem: iStock 


reportar erro