Rede aleluia
Evidências impressionantes da queda de Saul em Gilgal
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
GaranhunsRecife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCaraguatatubaCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 5 de Agosto de 2022 - 21:39


Evidências impressionantes da queda de Saul em Gilgal

O podcast “Fora de Série” desvendou curiosidades indo até Israel

Evidências impressionantes da queda de Saul em Gilgal

Começando a edição especial em Israel, o podcast “Fora de Série” desta quinta-feira (04), foi até Gilgal com a jornalista Ana Carolina Cury, que entrevistou o historiador e diretor do Instituto Moriah Center, Ariel Horovitz.

Entendendo o território de Gilgal:

Durante a conversa, o historiador Ariel Horovitz explicou detalhes sobre esse cenário especial, palco de diversas passagens importantes do Antigo Testamento.

Localizado ao norte de Jericó e próximo ao Vale do Jordão, ele destacou algumas passagens importantes que teve como local o território de Gilgal. Veja algumas delas:

  • Quando Israel atravessou o Rio Jordão e estava perto de conquistar Jericó, o povo se reuniu em Gilgal;
  • Mais adiante, o território de Gilgal é mencionado na história de Samuel, Saul e Davi, como um local de reunião, de culto e também de sacrifício;
  • E também nos ministérios de Elias e Eliseu.

Relação de Gilgal com a série Reis:

A edição especial do programa faz parte da programação inédita que antecede a estreia da terceira temporada da série Reis, no dia 10 de agosto. Por isso, o historiador ressaltou a importância de Gilgal dentro do contexto da superprodução da Record TV.

“Gilgal foi o lugar onde Samuel coroou Saul como rei. Ou seja, foi um lugar onde todo povo se reunia. Depois, Saul usava Gilgal como lugar de preparação e declaração de guerra, contra os amonitas e os filisteus”, contou.

No vídeo, eles mostram também algumas pedras que estão no mesmo local há mais de 3 mil anos. “Essas pedras são testemunhas mudas de tudo o que aconteceu aqui há 3.300 anos. Ninguém mexeu e está como os sacerdotes deixaram naquela época”, disse Horovitz.

Assista à entrevista completa e conheça mais detalhes sobre Gilgal:

Anote aí:

Para saber os próximos episódios especiais do podcast “Fora de Série”, siga o perfil oficial no Instagram, clicando aqui , e assine o Canal no Youtube e ative as notificações, clicando aqui. O podcast “Fora de Série” vai ao ar às terças e quintas-feiras, às 19h, no Youtube e depois fica disponível no Spotify e nas demais plataformas de áudios. 

E não perca a estreia da terceira temporada da série Reis: A Rejeição, que estreia no dia 10 de agosto na tela da Record TV

 


Evidências impressionantes da queda de Saul em Gilgal
  • Redação / Foto: Reprodução 


reportar erro