Rede aleluia
De bandido à vítima: conheça a história de Ramon e saiba como ele mudou de vida
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 13 de agosto de 2019 - 12:20


De bandido à vítima: conheça a história de Ramon e saiba como ele mudou de vida

Morador da cidade de São Roque, interior paulista, ele ingressou no crime com a ajuda de um primo. Entenda

De bandido à vítima: conheça a história de Ramon e saiba como ele mudou de vida

Com apenas 26 anos, Ramon sabe muito bem o que é estar à beira da morte. O jovem ficou preso em um cativeiro, esperando o momento em que ia ser executado por seus colegas de crime.

Morador da cidade de São Roque, interior paulista, Ramon ingressou no crime com a ajuda de um primo. Segundo conta, ele sempre quis ter suas coisas, porém, mesmo a mãe trabalhando muito, ela não tinha condições de lhe dar o que queria. “Foi aí que ingressei no crime. Meu primo traficava e eu passei ajudá-lo, pois via que o dinheiro vinha fácil. Aos 16 anos, comecei a assaltar, além de usar maconha, cocaína, lança perfume e andar armado. Um dia, porém, fui preso”, comentou.

Após ser detido, Ramon conta que viveu um dos piores momentos de sua vida “Além de o crime não me dar nada, o pior de tudo foi ver a minha mãe entrando no pátio do presídio para me visitar”, relatou.

No entanto, nem a lição de ficar detido foi suficiente para ele abandonar o crime.

“Quando saí, piorei; virei gerente do tráfico, fazia sequestro para a organização criminosa. Minha meta no mês era sequestrar 12 pessoas. No quarto sequestro, porém, decidi que não queria mais aquela vida”, conta, ressaltando que levou a pessoa para o cativeiro e comunicou aos comparsas que não queria mais continuar fazendo aquilo.

Porém, eles não aceitaram a sua decisão e o condenaram à morte, colocando-o no mesmo quarto que estava a vítima sequestrada por ele.

Ramon, no entanto, não temeu. Conforme relata, ele foi ao banheiro, dobrou os joelhos dentro do cativeiro e ali mesmo fez uma oração sincera a Deus, clamando pelo socorro Divino.

Saiba o que aconteceu com ele após esse momento no vídeo abaixo:

Você também tem sofrido e deseja mudar de vida, assim como Ramon? Então, participe de uma reunião especial, aos domingos. As reuniões do Encontro com Deus acontecem às 7h, 9h30 e 18h, no Templo de Salomão, localizado na Avenida Celso Garcia, 605, no Brás, zona leste da capital paulista.

Ou se preferir, procure uma Universal mais próxima de você. Consulte aqui os endereços.


De bandido à vítima: conheça a história de Ramon e saiba como ele mudou de vida
  • Sabrina Marques / Foto: Reprodução 


reportar erro