Rede aleluia
Cantora Lily Allen perdeu tudo para os vícios
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 21 de Janeiro de 2021 - 20:20


Cantora Lily Allen perdeu tudo para os vícios

Drogas legais e ilegais a fizeram perder até a família

Cantora Lily Allen perdeu tudo para os vícios

A cantora Lily Allen (35) revelou recentemente ao podcast The Recovery que seu vício em drogas a fez perder não apenas dinheiro, como também a família e a própria sanidade.

Allen contou que tudo aconteceu em 2014, quando foi convidada a abrir e participar dos shows da cantora Miley Cyrus em sua turnê mundial. Na época, Allen tinha 29 anos e Cyrus 22.

“Eu estava sendo a ajudante de uma garota que era muito mais jovem e mais atraente do que eu me sentia”, contou Allen. “Eu tinha 88 quilos e não me sentia nem um pouco uma estrela POP.”

A cantora estava 30 quilos acima de seu peso, pois tinha acabado de ser mãe. Para perder o peso rapidamente, Allen recorreu às drogas:

“Comecei a tomar uma droga que é como a metanfetamina para emagrecer e fiquei viciada nessa droga, porque me fazia sentir invencível”.

Além de não se sentir tão atraente quanto Cyrus, Allen também sentia saudade de suas duas filhas. Na época uma tinha três anos de idade e a outra era recém-nascida. A necessidade do dinheiro foi o que fez a cantora aceitar o trabalho.

A turnê durou oito meses e, nesse tempo, a cantora passou a trair o esposo.

Como todo vício, chegou o ponto em que apenas aquela droga não era suficiente. Ela então passou a se alcoolizar.

“Eu percebi que estava levantando de manhã e engolindo aquelas minigarrafas de vodca ou uísque ou o que sobrou”, conta ela. “Eu estava pensando: Acho que tenho um problema com a bebida. E nada mais está sendo suficiente. Talvez eu deva experimentar heroína.”

Foi nesse ponto que ela buscou a reabilitação. Mas ela ainda não se sente curada. A cantora mantém-se em “constante alerta”, para que o vício não volte a dominar suas vidas.

A cura definitiva

O que aconteceu com Lily Allen acontece com milhões de pessoas no mundo inteiro. O vício faz as pessoas perderem tudo. E, mesmo quando acreditam estar recuperadas, se não se livrarem do espírito do vício de uma vez por todas, ainda poderão sofrer recaídas.

Foi o que aconteceu, por exemplo, com Valter. Viciado em álcool e cocaína, ele perdeu o dinheiro, a família e, em suas próprias palavras, o caráter e a dignidade.

Acompanhe, no vídeo abaixo, seu testemunho:

Hoje Valter está reconstruindo sua vida. Inclusive, está se reaproximando da filha de 11 anos de idade que nunca o havia visto sóbrio. Se você, como ele, também não suporta mais o vício e quer se libertar, participe do Tratamento Para a Cura dos Vícios.

Clique aqui e saiba quando e onde participar.


Cantora Lily Allen perdeu tudo para os vícios
  • Andre Batista / Foto: Reprodução Instagram @lilyallen 


reportar erro