Rede aleluia
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
Recife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCabo FrioCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta Redonda
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão João da Boa VistaSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 25 de fevereiro de 2019 - 13:09


Ator que interpretou Batman não consegue vencer o alcoolismo

Ele desistiu do personagem por causa do problema. Entenda o seu dilema

O ator Ben Affleck acaba de anunciar oficialmente que não participará mais de filmes que envolvam o Batman ou outros super-heróis. O anúncio aconteceu durante entrevista ao humorista Jimmy Kimmel. Até então, Affleck era o rosto de um grandioso projeto dos cinemas.

Atualmente, os filmes que mais lucram nas telonas são os de super-heróis. Por isso, participar deles, mesmo como coadjuvante, é uma grande vitória para qualquer ator. Ben Affleck conseguiu mais do que isso.

Em 2013, o ator foi confirmado como intérprete do Batman, considerado o maior super-herói de todos os tempos. O projeto cinematográfico incluiria filmes de outros heróis e vilões e filmes que uniam todos eles. Embora o projeto esteja sendo levado adiante, Affleck já não faz parte dele.

Pouco depois de ser anunciado como o Batman, Affleck também foi confirmado como diretor dos filmes que envolveriam o herói. Contudo, precisou se afastar dessa tarefa. Atuou em dois filmes e novamente assumiu o compromisso de atuar em um 3º filme e dirigi-lo. Mas o vício do ator o levou a desistir.

“Fazer esse papel exige foco, paixão e minha melhor performance possível. Ficou claro que eu não consigo fazer isso”, declarou o ator a Kimmel.

Ao falar sobre o alcoolismo do qual é vítima, Affleck afirmou ser incapaz de se dedicar como deveria aos filmes.

Para vencer o vício, o ator abre mão de realizar o sonho de ser o Batman.

O Batman não tem poder sobre o vício, mas o Espírito Santo tem

Como Ben Affleck, milhões de outras pessoas sofrem com o alcoolismo no mundo. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), mais de 3 milhões de pessoas morrem todos os anos em decorrência do abuso de álcool.

A bebida também faz as pessoas adoecerem, perderem empregos e famílias. É o caso de Francisco, que ficou desempregado em decorrência do vício e permitiu que os filhos passassem fome, enquanto ele gastava o dinheiro com álcool.

“Eu era viciado a ponto de não ter dinheiro. Pegava o salário, o pagamento todo e passava nos bares, pagando as contas e jogando. Chegava sem nada em casa”, conta ele.

Foram 32 anos viciado. Sua esposa, Célia, relembra os tempos difíceis:

“Eu era viúva de marido vivo. Eu não tinha marido. Ele saía para trabalhar 4h da manhã, dava 8h da noite e ele não chegava. Muitas vezes, de onde ele estava, voltava para o serviço. Eu não dormia à noite, preocupada, chorando sem saber onde ele andava. Do boteco mesmo ele voltava ao trabalho. E quando ele vinha para casa, estava daquele jeito, embriagado e brigando.”

A vida de Francisco mudou quando ele conheceu a Deus e o Espírito Santo passou a habitar nele.

Assista ao vídeo abaixo e veja como tudo aconteceu:


  • Andre Batista / Imagem: Reprodução Facebook @benaffleck 


reportar erro