Rede aleluia
Atitude de amor ao próximo durante a passagem de ano
São Paulo
Centro-Oeste
Distrito Federal
Brasília
Goiás
AnápolisGoiânia
Mato Grosso
Cuiabá
Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Nordeste
Alagoas
Maceió
Bahia
Feira de SantanaIlhéusItabunaSalvador
Ceará
Fortaleza
Maranhão
São Luís
Paraíba
João Pessoa
Pernambuco
GaranhunsRecife
Piauí
Teresina
Rio Grande do Norte
Natal
Sergipe
Aracaju
Norte
Acre
Rio Branco
Amapá
Macapá
Amazonas
Manaus
Pará
Belém
Rondônia
Porto Velho
Roraima
Boa Vista
Tocantins
Palmas
Sudeste
Espírito Santo
Vitória
Minas Gerais
Belo HorizonteJuiz de ForaUberlândia
Rio de Janeiro
Angra dos ReisBarra MansaCampos dos GoytacazesMacaéRio de JaneiroVolta RedondaCabo Frio
São Paulo
AraçatubaAraraquaraBauruCampinasCaraguatatubaCatanduvaFrancaJaúJundiaíLimeiraMaríliaPiracicabaPraia GrandePresidente PrudenteRibeirão PretoSantosSão CarlosSão José do Rio PretoSão José dos CamposSão PauloSorocabaTaubatéVotuporanga
Sul
Paraná
CascavelCuritibaFoz do IguaçuLondrinaMaringáPonta Grossa
Rio Grande do Sul
PelotasPorto AlegreRio GrandeSanta Maria
Santa Catarina
BlumenauCriciúmaFlorianópolis

Notícias | 11 de Janeiro de 2022 - 16:39


Atitude de amor ao próximo durante a passagem de ano

Voluntários da Argentina passam virada de ano com jovens dentro de unidade socioeducativa

Atitude de amor ao próximo durante a passagem de ano

Nem todas as pessoas têm o privilégio de passar o fim de ano com as pessoas que amam. Mas os voluntários do Projeto Universal Socioeducativo mostram que quando existe amor ao próximo é possível tornar o dia de alguém mais feliz.

Na Argentina, por exemplo, os integrantes do grupo organizaram uma virada de ano especial para 25 jovens de uma unidade socioeducativa, em Buenos Aires. Eles prepararam um jantar com presentes e, claro, uma palavra de fé e Salvação.

“Todo fim de ano procuramos fazer algo especial, pois é uma data muito difícil para eles. Há locais em que as visitas são até proibidas. Por isso, o Grupo Socioeducativo procura mostrar que Deus não se esquece deles”, diz o Pastor Hernan Gasques, responsável pelo projeto.

Momentos marcantes

Esta simples atitude é capaz de marcar toda a vida desses internos. Afinal, quem deixaria a família para passar as festas com jovens que o mundo despreza?

“Os jovens comentaram que só a igreja faz essas coisas por eles. Ninguém se senta para comer com um preso, ninguém deixa a família para estar com eles. É Deus quem não os esquece e todos agradeceram por essa noite especial. Até os funcionários são gratos, pois veem diferença no ambiente, desde que o grupo entrou nos centros”, comentou o Pastor.

Além disso, 8 meninos decidiram se batizar nas águas. “O batismo foi realizado minutos antes do início do novo ano. Eles não queriam começar 2022 da mesma maneira, queriam a mudança e decidiram entregar suas vidas a Deus”, concluiu.

Veja mais ações do projeto Socioeducativo em todo o Brasil, no Facebook e Instagram.


Atitude de amor ao próximo durante a passagem de ano
  • Rafaella Rizzo / Fotos: Cedidas 


reportar erro